Clube da luluzinha no motociclismo

Público feminino tem recebido cada vez mais atenção de fabricantes de motos e acessórios.

Por Leandro Alvares

O mercado de duas rodas está apostando suas fichas no público feminino. Hoje no Brasil, já é possível comprar capacetes, equipamentos e peças de vestuário — capas de chuvas, jaquetas, calças e botas — com modelagem exclusiva para as mulheres.

Além disso, o interesse delas em pilotar uma motocicleta vem crescendo em todas as partes do mundo. Nos Estados Unidos, por exemplo, a mulherada comprou 100 mil motos Harley-Davidson no ano passado.

E ao que tudo indica, a marca mais famosa do mundo vai produzir modelos exclusivamente “femininos”; motos mais baixas, equipadas com bancos mais estreitos e embreagens mais suaves.

Na terra do “Tio Sam”, a HD vem organizando também eventos periódicos só para mulheres. É o “Clube da luluzinha” sobre duas rodas.

Fonte:
Agência Infomoto

Compartilhe:

Receba notícias de moto.com.br