moto.com.br
Publicidade:

Testes

Vídeo: Harley-Davidson Iron 883 chama atenção no barulho e estilo

10 de March de 2016
Compartilhe este conteúdo:

A nova Harley-Davidson Iron 883 carrega um estilo minimalista, sem supérfluos, com um visual que intimida e atrai a atenção. Além das melhorias na suspensão, nos amortecedores e bancos, o modelo 2016 tem como destaques o novo grafismo para a pintura do tanque, com uma águia que simboliza a honra americana, e novas peças em preto fosco, como a tampa do filtro de ar reestilizada, as ponteiras e protetores de escape, além do protetor de correia. Esses itens agora apresentam acabamento no estilo bullet hole, que remete à herança militar da marca. Outra característica marcante do visual fica por conta do guidão estilo drag bar.

Na cidade, a Harley-Davidson Iron 883 se comporta bem, apesar de esquentar um pouco no trânsito mais intenso, sendo possível escapar do estresse pelos corredores, já que sua largura não é um problema. A posição de pilotagem é um tanto diferente, já que a moto é uma custom, mas suas pedaleiras não ficam posicionadas adiante, gerando certa confusão num primeiro momento. Enquanto rodamos com a motocicleta pelas ruas de São Paulo (SP), atingimos uma média de 16 km/l, o que na prática siginifica uma autonomia de 200 km, por conta do seu tanque de combustível de 12,5 litros, com boas arrancadas e fácil pilotagem oferecidas pelo motor  Evolution, Refrigerado a ar de 883 cilindradas e 6,7 Kgf.m de torque a 3.750 rpm.

Não é apenas o visual mais marcante e sombrio que chama a atenção nesta, e em qualquer Harley, mas também o seu inconfundível ronco, que atrai olhares de aprovação, susto e algumas vezes até mesmo de reprovação. Deixando o trânsito para trás, esticando um pouco para uma estrada leve, um bate-e-volta até o interior de São Paulo (SP), utilizando a Rodovia dos Bandeirantes e a Rodovia Anhanguera, constatamos uma média de consumo na casa dos 18 km/l, autonomia de apenas 225 km, uma marca não muito boa para quem gosta de pegar estradas mais longas, o que siginificaria várias paradas para reabastecimento. 

Durante o teste foi possível constatar que esta Iron 883, como qualquer motocicleta da marca norte-americana, vai muito bem na estrada, com desempenho de sobra, tirando o fato da posição de pilotagem e do banco um pouco desconfortáveis. A surpresa porém, está no fato de que a cidade parece ser o melhor habitat para esta custom de entrada da Harley-Davidson. Ah, para quem achou ruim o barulho do motor e o ronco alto do escape na cidade, na estrada ele some, ficando evidente apenas o barulho e a vibração proporcionados pelo vento, nenhum incômodo ou novidade para quem gosta de pegar a estrada com motocicletas custom.

Confira o vídeo da Harley-Davidson Iron 883 em ação, mostrando todo seu estilo e desgin mais moderno:

Gostou do vídeo? Não esqueça de clicar em gostei, favoritar e compartilhar. Inscreva-se para receber nossos vídeos!

FICHA TÉCNICA

HARLEY-DAVIDSON Iron 883 2016

MOTORIZAÇÃO
Motor Evolution, Refrigerado a ar V-Twin (2 cilindros em V)
Diâmetro do Pistão 76,2 mm
Curso do Pistão 96,8 mm
Cilindrada: 883cm³
Relação de Compressão 9:1
Sistema de Alimentação de Combustível Injeção Eletrônica de Combustível por Porta Sequencial (ESPFI)

DIMENSÕES
Comprimento 2.185 mm
Altura do Assento, Descarregada 653 mm
Distância do Solo 140 mm
Ângulo da Coluna de Direção (Graus) 30,5
Trail 117 mm
Distância entre Eixos 1.515 mm
Pneu Dianteiro (Especificação) 100/90B19 57H
Pneu Traseiro (Especificação) 150/80B16 77H
Capacidade de Combustível 12,5 l
Capacidade de Óleo (com filtro) 2,6 l
Peso Seco 247 kg
Peso em Ordem de Marcha 256 kg

TRANSMISSÃO
Transmissão Primária Corrente, Relação 34/57
Relação de Transmissão - 1a marcha 10,41
Relação de Transmissão - 2a marcha 7,436
Relação de Transmissão - 3a marcha 5,531
Relação de Transmissão - 4a marcha 4,584
Relação de Transmissão - 5a marcha 3,931

CHASSIS
Escapamento Preto, estilo "Shorty" escalonado com silenciadores duplos
Roda Dianteira (Estilo) Novas Rodas pretas com detalhes usinados, 9 raios de liga de alumínio
Roda Traseira (Estilo) Novas Rodas pretas com detalhes usinados, 9 raios de liga de alumínio
Freios (Tipo de Cáliper) Pistão duplo na dianteria, pistão duplo na traseira

PERFORMANCE
Torque do Motor - Método de Teste EEC/95/1
Torque do Motor  6,7 Kgf.m
Torque do Motor (rpm) 3.750
Ângulo de Inclinação, Dir. (Graus) 29
Ângulo de Inclinação, Esq. (Graus) 30

ELÉTRICA
Luzes Indicadoras Farol alto, ponto neutro, baixa pressão de óleo, piscas, diagnóstico do motor, alerta de baixo nível de combustível e de bateria, e sistema de segurança
Painel de Instrumentos Velocímetro eletrônico com hodômetro total, relógio, hodômetro parcial duplo, luzes indicadoras de LED e indicador de marcha e rpm

PREÇOS
Opção de Cor - 1 Tom R$ 42.900,00
Opção de Cor - Hard Candy Custom™ R$ 1.150,00
Alarme e Imobilizador Item de série
Freios com ABS Item de série
Frete Incluso no preço

Fotos e vídeo: Kiko Tokuda/MOTO.com.br
Texto: Alexandre Ciszewski



Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

Teste: Nova Honda CB 650F impressiona de modo racional

Teste: Com injeção e motor flex, nova Factor é 125 completa

Teste: Nova Honda Africa Twin aposta em motor torcudo e chassi leve

Teste: Nova Kawasaki Versys 650 ganha fôlego extra para viajar

Primeiras Impressões: Novas Vespa Primavera 125 e 150

Teste: Fazer 150 UBS ganha freios combinados para ficar na lei

Teste: Triumph acrescenta tecnologia à Tiger Sport

Teste: Nova Kawasaki Versys 650 ganha fôlego extra para viajar

Teste: Nova Honda Africa Twin aposta em motor torcudo e chassi leve

Primeiras Impressões: Novas Vespa Primavera 125 e 150

Teste da Falcon NX4 por um usuário

Teste: Pega de Honda Bros 160 e Yamaha Crosser

Yamaha Drag Star 650: Na medida certa

Teste: Nova Africa Twin é bigtrail para ir a todo lado


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras