moto.com.br

Publicidade:

Testes

Michelin traz pneus de alta performance para o Brasil

15 de June de 2012
Compartilhe este conteúdo:

Leandro Lodo

A convite da Michelin, no dia 14 de junho, o MOTO.com.br esteve no autódromo de Interlagos, para o lançamento dos dois pneus para motocicletas acima de 600 cc: o MICHELIN Power Cup e o MICHELIN Power Slick, ambos pneus dedicados para competições. Esses dois pneus equiparão as motocicletas dos competidores do Moto 1000 GP, que começa no próximo domingo, 17/6.

"Para a Michelin, a competição é um verdadeiro laboratório de tecnologia que permite transferir – inteiramente ou parcialmente - as soluções da pista para as ruas. Dessa forma, várias das inovações utilizadas atualmente pelos clientes da Michelin, tanto na estrada como nas pistas, foram desenvolvidas para corridas de alto nível", explica Gabriel Caldas, gerente de marketing para a Michelin América do Sul.

Pneu Michelin Power Cup

Homologado para a estrada, o pneu  MICHELIN Power Cup foi desenvolvido para obter um alto nível de aderência nas curvas e na fase de aceleração, apresentando um tempo nas curvas melhor do que o do pneu anterior, Michelin Power One Competition.

Do perfil slick, o Michelin Power Cup manteve a característica de ausência de escultura (desenho) nas extremidades e no centro da banda de rodagem, oferecendo um melhor nível de tração durante a aceleração devido o uso da tecnologia NST (Near Slick Technology) que proporciona uma maior área de contato do pneu com o solo, oferecendo um máximo de aderência.

A bordo de uma Yamaha YZF-R1, pudemos comprovar que o Michelin Power Cup é bastante aderente nas curvas, graças a ausência de sulcos nas estremidades, comum em pneus de estrada, aos quais são necessários para fazer a drenagem da água em más condições climáticas.

Além de maior tração durante a aceleração, por meio da tecnologia slick na banda de rodagem, no caso dos pneus dianteiros, os ângulos da camada da carcaça são mais abertos, permitindo maior rigidez e melhor estabilidade geral do pneu, deixando a motocicleta mais estável durante a frenagem e trajetória durante as curvas.

Já o pneu traseiro utilizado em motos 1000cc, recebeu modificação em suas dimensões. O pneu anterior, o Michelin Power One Competition tem dimensões de 190/55 ZR 17 C / 75W, enquanto o Michelin Power Cup é um pouco mais largo e com maior índice de carga: 200/55 ZR 17 C / 78W. A adoção destas medidas faz com que o pneu tenha uma maior aderência nas curvas, proporcionando uma ótima estabilidade.

Disponíveis nas dimensões: 120/70 R 17 POWER CUP VB / 58V (Dianteiro) e 180/55 ZR 17 POWER CUP C / 73W ; 200/55 ZR 17 POWER CUP C / 78W (Traseiro), o Michelin Power Cup utiliza a tecnologia de duplo composto 2CT, com borracha mais rígida na banda de rodagem para aumentar a durabilidade e mais macia nas extremidades para melhor aderência.

Pneu Michelin Power Slick

Os pilotos brasileiros estão com um nível competitivo melhor a cada dia, porém a possibilidade de correr com pneus semelhantes aos utilizados em competições internacionais com certeza melhorará o desempenho dos nossos pilotos em pista, uma grande revolução para a motovelocidade no Brasil.

Pela primeira vez uma fabricante de pneus traz um pneu slick para o Brasil: o Michelin Power Slick, um pneu mais aderente e com uso restrito as pistas de corrida. Desta vez, a bordo de uma Honda CBR 1000 RR, nós testamos os atributos deste pneu. O novo pneus Michelin Power Slick  realmente ‘gruda’ na pista, permitindo uma tocada mais agressiva, principalmente nas entradas e saídas de curvas. É um pneu progressivo que dá ao piloto uma sensação maior de confiança.

As exigências nos pneus traseiro e dianteiro da motocicleta variam muito e por isso o Michelin Power Slick tem uma arquitetura diferente entre os pneus.   A carcaça do pneu traseiro é menos rígida, pois apresentam três lonas em vez de quatro.  Dessa forma, há mais deformação e com uma área de contato maior. O pneu passa a ter mais aderência e menor desgaste porque a carga é distribuída em uma área de contato mais ampla. No pneu traseiro foi colocada fibra de aramida para aumentar a resistência.  A alta resistência da aramida, combinada à sua flexibilidade, controla a qualidade da área de contato em altíssima velocidade.  

O pneu dianteiro possui quatro lonas, duas de Rayon na carcaça e duas de aramida na banda de rodagem, que possibilitam manter a estabilidade nas curvas. Uma combinação adequada de rigidez na banda de rodagem e na estremidades oferece ótima estabilidade na frenagem, alto nível de dirigibilidade e rápida adaptação às condições da pista. Já a banda de rodagem do pneu Michelin Power Slick traseiro reúne duas tecnologias:  a tecnologia duplo composto (Two Compound Technology - 2CT) e a tecnologia Synthetic Component Technology (SCT).

Concebido para se adaptar à maioria das motos hiperesporte de 600cc e de 1000cc, o pneu Michelin Power Slick será oferecido em novo tamanho, o 20/69. Com diâmetro mais amplo e mais largo, o 20/69 oferece maior área de contato, possibilitando assim maior aderência nas curvas, na frenagem e durante a aceleração.

Dimensões disponíveis: 12/60 POWER SLICK B (Dianteiro) e 20/69 POWER SLICK C (Traseiro)

Jornalista veste: Macacão Alpinestars Motegi 2 peças, Botas Alpinestars S-MX 5, Luvas Alpinestars SP-8 e Protetor Alpinestars Bionic Back Protector. Maiores informações em www.staracer.com.br

Serviço

Para que os motociclistas possam escolher com mais facilidade o pneu correto, a Michelin criou o site www.michelin-power.com. disponível em seis idiomas: inglês, francês, espanhol, italiano, alemão e holandês.

Fotos: Marcio Viana/Bira/Sportspeed



Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

Teste: Dafra Maxsym 400i oferece conforto na estrada

Honda anuncia chegada dos modelos CB 650F e CBR 650F

Avaliação da Triumph Tiger Sport

Teste: Triumph Thruxton é café racer customizada de fábrica

Teste: Yamaha VMax é pura força bruta

Duelo caseiro: NC 700X vs. CB 500X

Teste Honda CB 500X: A mais divertida da família!

Honda anuncia chegada dos modelos CB 650F e CBR 650F

Teste: Triumph Thruxton é café racer customizada de fábrica

Avaliação da Triumph Tiger Sport

Teste: Comparativo Flex Honda CB 300R x Yamaha Fazer 250

Yamaha traz para o Brasil a MT-09, confira nossa avaliação!

Yamaha lança XTZ 150 Crosser e nós já avaliamos, confira!

Teste da Falcon NX4 por um usuário


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Últimos Anúncios

Montadoras
Ducati Honda CB 600 F Hornet Motos Usadas Kawasaki Motos Novas Fazer Transalp Fipe Yamaha YZF R1 Suzuki Kasinski Moto Velocidade Srad Sundown Motos CBR Harley Davidson MotoGP BMW XT 660 Tornado 600RR Ofertas Shadow Revista Off Road

Siga-nos

ícone orkut ícone youtube ícone twitter ícone facebook ícone rss