moto.com.br
Publicidade:

Fique por dentro de tudo que acontece no Rally Dakar, considerado o rally mais difícil do mundo! Muita adrenalina, drama e superação.

Rally Dakar - O Rally mais difícil do mundo

Rally Dakar: Entrevista com o mito espanhol Marc Coma

27 de December de 2013
Compartilhe este conteúdo:

Falta muito pouco para a grande largada da edição 2014 do Rally Dakar, prova que acontece entre 5 e 18 de janeiro, com trajeto na Argentina, Bolívia e Chile, e o experiente piloto espanhol Marc Coma entra em campo para disputar a competição pela décima vez com mais energia e motivação do que nunca. Vindo de uma intensa preparação o piloto tricampeão do Rally Dakar (2006, 2009 e 2011), completa mais uma temporada, depois de marcar o número máximo de milhas em competição para participar das provas mais importantes do mundo: Abu Dhabi Desert Challenge, o Sealine Cross Country Rally do Qatar, o Rally da Sardenha, Argentina Rota 40 Desafio, Rally dos Sertões Rally Brasil e Rally do Marrocos. O piloto espanhol foi vice-campeão em uma temporada na qual teve três vitórias (Abu Dhabi, Qatar e Sardenha) e não ficou de fora do pódio em nenhuma situação. Em 2014 parece que teremos um Rally Dakar dos mais difíceis dos últimos anos. A organização propôs praticamente um retorno ao antigo espírito do Rally Dakar, quando ainda era realizado em território africano, com duas etapas de maratona e extras de mais de 50 quilômetros em cada etapa.

Pergunta: Como você vai enfrentar o Rally Dakar em 2014?

Marc Coma: Com uma vontade extra, tanto de energia quanto de motivação. Trabalhamos todo esse ano muito duro para chegar a esse ponto com o máximo de preparação. Será um Rally Dakar muito difícil, creio que seja até o mais severo das últimas edições, mas de qualquer jeito temos que estar sempre preparados e atentos a todo momento. Além disso, vamos cruzar com novo país, a Bolívia, que é praticamente um território desconhecido para todos e isso sempre implica em ainda mais atenção e cuidado. De todas as maneiras sempre que subo em minha moto enfrento cada prova da mesma forma: sempre 100%.

P: Dizem que este Rally Dakar deve ser o mais difícil dos últimos anos. Como pretende encarar esse desafio?

Marc Coma: Estamos diante de uma prova extremamente difícil. Nunca se esperou um Rally Dakar fácil, mas quando vejo os números desta edição e vejo o que nos espera pela frente até dá um pouco de vertigem. Mas não importa, vamos enfrentar as dificuldades com muita garra, entusiasmo e a tranquilidade de quem fez uma boa preparação.

P: Quais são as diferenças mais evidentes da nova KTM 450 Rally em relação à moto anterior?

Marc Coma: É uma moto que utiliza injeção, pois fizemos sua atualização e deixamos para trás a era do carburador. É uma moto muito mais compacta e logicamente também mais potente.

P: E ganhou em agilidade?

Marc Coma: Sim, em todos os aspectos foi dado um passo a mais. Nos últimos três anos a moto da KTM vinha sendo praticamente a mesma e agora foi realmente o momento de fazer uma modernização e colocar a moto em um patamar adiante.

P: Por que a carenagem é transparente na parte superior?

Marc Coma: Quando estávamos fazendo a análise do desenho da moto, pensamos que as condições de visibilidade poderia ser melhoradas com a carenagem superior sendo transparente. Especialmente para ver melhor o comportamento da roda dianteira. Também optamos pelos suportes de navegação de carbono, que antes era de alumínio. Isso por razões de peso, já que esse é um fator muito importante, especialmente na parte dianteira da moto. Esses aspectos, além das novas dimensões da moto, são extremamente importantes para enfrentar o Rally Dakar que está cada vez mais técnico.

P: Como tem sido sua preparação para o Rally Dakar?

Marc Coma: Quando nos recuperação da última lesão, no início do ano, demos início a um processo de preparação em todos os sentidos, tanto no nível físico quanto no nível técnico de pilotagem. 2013 tem sido um ano intenso em que desenvolvemos a nova KTM 450 Rally e fizemos participações importantes em todas as provas do Campeonato Mundial de Rally Cross Country, tendo conquistado o vice-campeonato e vitórias em três etapas. Estou muito satisfeito, creio que esse tem sido um ano muito bom.

P: Como você vê os seus rivais?

Marc Coma: Estamos diante de uma nova era nas competições Off Road, sobretudo no Rally Dakar. Com a entrada de novos fabricantes e com a participação mais intensa de jovens pilotos que vão crescendo e aprendendo, ficando cada vez mais competitivos a cada ano. Creio que esse Rally Dakar será a edição mais aberta dos últimos tempos. De minha parte, eu gosto de ver tanto a organização quanto os competidores fazendo o seu trabalho para que a prova esteja em constante evolução. Creio que isso é um compromisso de todas as partes envolvidas: pilotos, organização, equipes, fábricas etc. Tudo isso faz com que a cada ano a prova seja cada vez mais exigente. Um Rally Dakar fácil não seria um Rally Dakar.

Fotos: Divulgação



Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

Dakar: Vídeo de apresentação das etapas em 2017

Dakar: Edição 2017 da competição promete ser mais radical

Concept Lac Rose faz homenagem da BMW ao Rally Dakar

Dakar: Argentina, Bolívia e Paraguai no roteiro 2017

Dakar: Chile fica de fora e abre oportunidade para Brasil

Dakar: Brasileiros de UTV marcam presença no pódio

Dakar: Confira o vídeo da 13ª etapa de 2016

Conheça as motos na disputa do Rally Dakar 2016

Dakar: Edição 2017 da competição promete ser mais radical

Dakar: Argentina, Bolívia e Paraguai no roteiro 2017

Dakar: Confira o vídeo da 1ª etapa de 2016

Concept Lac Rose faz homenagem da BMW ao Rally Dakar

Rally Dakar: Honda lança CRF 450 para a competição

Rally Dakar: KTM planeja lançamento da 450 Rally Replica

Comentários

Galeria de Fotos

Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender