moto.com.br
Publicidade:

Fique por dentro de tudo que acontece no Rally Dakar, considerado o rally mais difícil do mundo! Muita adrenalina, drama e superação.

Rally Dakar - O Rally mais difícil do mundo

Dakar: Jean Azevedo representa o Brasil nas motos

19 de November de 2015

A edição 2016 do Rally Dakar terá oito pilotos brasileiros em quatro categorias. Nas motos, o destaque é Jean Azevedo (Honda) que será o único representante do país na categoria. Marcelo Medeiros (Yamaha) correrá nos Quadriciclos. Nos Carros, duas duplas: Guilherme Spinelli/Youssef Haddad e João Franciosi/Gustavo Gugelmin (Mitsubishi). E nos UTVs, Leandro Torres e o experiente Lourival Roldan (Polaris).

A lista oficial de competidores e a formação de equipes para a edição 2016 do Rally Dakar foi divulgada na quarta-feira (18/01) durante coletiva de imprensa da organização A.S.O., em Paris, na França, pelo diretor-geral da competição, Etienne Lavigne, e o diretor de prova, o ex-piloto e pentacampeão do Rally Dakar, o espanhol Marc Coma.

“Será uma prova dura como sempre e com etapas contra o relógio longas, sendo a maior com mais de 500 quilômetros. O dia mais longo, no total, terá mais de 900 quilômetros. Quem tiver uma boa estratégia vai chegar bem ao final”, comenta Jean Azevedo, que utilizará na competição a nova CRF 450 Rally.

“Teremos neste percurso pouca areia. Será um rali mais pedregoso por estradas e rios secos, uma prova que vai exigir muito de pilotos e equipamentos. Confio muito na minha moto. Em uma prova com essas características, o trabalho da equipe é fundamental. Por isso, a HSA Rally Team se estruturou muito bem para enfrentar esses desafios”, destaca Jean Azevedo.

Ao lado do piloto brasileiro estará o francês Adrien Metge, de 29 anos, que disputará o Dakar pela primeira vez. Ele está no Brasil há dois anos e tem se destacado nas competições nacionais. Venceu a categoria Production Aberta no Rally dos Sertões 2015 e terminou em terceiro lugar na geral. Completam a HSA Rally Team os argentinos Javier Pizzolito, de 35 anos, e Kevin Benavides, de 26.  

“Nas Motos, o grande favorito seria o Marc Coma, mas como ele não vai competir, já que assumiu o cargo de diretor de prova, isso abriu uma possibilidade de vários candidatos ao título. Se analisarmos a lista completa de inscritos, temos pelo menos 30 nomes com condições de disputarem as primeiras posições”, completa Jean Azevedo.

Além da HSA Rally Team, a Honda tem participação da Team HRC com o espanhol Joan Barreda, de 32 anos, o português Paulo Gonçalves, de 36, o francês Michel Metge, também 36 – irmão de Adrien – e mais dois pilotos: o italiano Paolo Ceci, de 40 anos, e o jovem norte-americano Ricky Brabec, de 24, que também estreia no Dakar.  

O próximo Rally Dakar terá largada dia 2 de janeiro em Buenos Aires e a chegada será em Rosário, também na Argentina, no dia 16, depois de 9.000 quilômetros (4.500 cronometrados). A prova passará também pela Bolívia. A edição 2016 vai ter 354 veículos inscritos em todas as categorias, incluindo os caminhões.

Foto: Vinicius Branca/Fotop/Vipcomm



Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

Dakar: Vídeo de apresentação das etapas em 2017

Dakar: Edição 2017 da competição promete ser mais radical

Concept Lac Rose faz homenagem da BMW ao Rally Dakar

Dakar: Argentina, Bolívia e Paraguai no roteiro 2017

Dakar: Chile fica de fora e abre oportunidade para Brasil

Dakar: Brasileiros de UTV marcam presença no pódio

Dakar: Confira o vídeo da 13ª etapa de 2016

Dakar: Confira o vídeo da 1ª etapa de 2016

Conheça as motos na disputa do Rally Dakar 2016

Dakar: Vídeo de apresentação das etapas em 2017

Dakar: Edição 2017 da competição promete ser mais radical

Dakar: Argentina, Bolívia e Paraguai no roteiro 2017

Dakar: Jean Azevedo representa o Brasil nas motos

PILOTOS RALLY DAKAR

Comentários

Galeria de Fotos

Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender