moto.com.br
Publicidade:

Off-Road

Superliga Brasil de Motocross retorna em grande estilo

17 de July de 2015
Compartilhe este conteúdo:

Após três anos desde a última temporada, a Superliga Brasil de Motocross retorna em 2015, em um evento único, no próximo fim de semana (18 e 19/07), na cidade de Bragança Paulista (SP). A expectativa é de cerca de 300 pilotos na disputa da competição, entre eles os integrantes da Equipe Honda Mobil de Motocross e as equipes patrocinadas pela Honda: Ipiranga IMS Levorin, Escuderia X e Dunas Team. As provas serão realizadas em uma pista montada na Rodovia Capitão Barduíno, no km 94,5. A programação começa a partir das 7h30.

Diferente do formato anterior, a Superliga vai contar com 11 categorias (MX1, MX2, MX3, MX4, MX5, MX1 Amador, MX2 Amador, MXF, MX Júnior, 65cc e 50cc), que incluem competidores profissionais e amadores, de diferentes faixas etárias e modelos de motos.

Na MX1, um dos concorrentes é o goiano Wellington Garcia, da Equipe Honda Mobil, com a CRF 450R. “Será uma prova muito forte e com bons pilotos. Espero fazer ótimas corridas e representar bem o meu time. Acredito que é muito importante reunir em um mesmo evento todos os tipos de pilotos. Afinal, todos os profissionais um dia foram amadores. É esse o caminho para fortalecer o esporte”, destaca o piloto.

Atual campeão brasileiro na MX2, Hector Assunção, também piloto oficial da Honda, está animado com a nova Superliga. “Tem tudo para ser um ótimo evento, tanto para nós quanto para o público. Vai ser bacana estar em contato com mais pilotos”, comenta Hector, que utiliza a CRF 250R.

Da mesma equipe e categoria, Gustavo Pessoa, que lidera o Campeonato Brasileiro de Motocross na MX2, quer manter o bom desempenho na temporada 2015. “Essa prova vai nos ajudar bastante, porque tivemos nossa última corrida oficial há um mês. Assim, manteremos o ritmo de competições”, explica.

A ausência na Superliga será do português Paulo Alberto. O piloto Honda se recupera de uma lesão nas costas, após a segunda etapa do Brasileiro de Motocross, no último mês, no Rio de Janeiro.

Ingressos
Os ingressos para arquibancada geral podem ser trocados por 2kg de arroz ou 2kg de feijão, que serão doados para o Fundo Social de Solidariedade de Bragança Paulista. Um dos pontos de troca é a concessionária Honda Brag-Moto, localizada na Av. José Gomes da Rocha Leal, nº 450, Centro - Bragança Paulista. O telefone é (11) 4034-6070. Para camarotes e arquibancadas Vips, os setores HC Vip e Torcida Vip coberta estão à venda no site ticket3.com.br. Mais informações pelo telefone (14) 3112-7356.
Transmissão TV
A Superliga Brasil de Motocross 2015 terá transmissão ao vivo pelo canal de TV por assinatura Bandsports nesse domingo, das 15h às 16h30, com as provas finais da MX2 e MX1. Todas as corridas também podem ser acompanhadas na internet pelo site brmtv.com.br. A Band Internacional também vai exibir o evento no domingo.

SERVIÇO
Superliga Brasil de Motocross
Data: 18 e 19 de julho 2015
Horário: 7h30 às 17h
Cidade: Bragança Paulista (SP)
Local: Rod. Capitão Barduíno - km 94,5 (antiga Austin)

Categorias Superliga Brasil de Motocross 2015

50cc

Motos: Até 50cc com motor 2 tempos
Faixa etárias: Até 9 anos

65cc 
Motos: Até 65cc com motor 2 tempos
Faixa etária: 9 a 12 anos

MX Júnior
Motos: De 70cc até 85cc com motor 2tempos / De 75cc até 150cc com motor 4 tempos
Faixa etária: 12 a 15 anos

MX1 
Motos: De 175cc até 250cc com motor 2 tempos / De 290cc até 450cc com motor 4 tempos
Faixa etária: 16 a 45 anos

MX1 - Amador
Motos: De 175cc até 250cc com motor 2 tempos / De 290cc até 450cc com motor 4 tempos
Faixa etária: 16 a 45 anos
* Pilotos com pontuação nas temporadas 2014 e 2015 nos campeonatos Brasileiro de Motocross e Arena Cross, não podem participar nesta categoria.

MX2 
Motos: De 125cc até 150cc com motor 2 tempos / De 175cc até 250cc com motor 4 tempos
Faixa etária: 14 a 23 anos

MX2 - Amador
Motos: De 125cc até 150cc com motor 2 tempos / De 175cc até 250cc com motor 4 tempos
Faixa etária: De 14 a 45 anos
* Pilotos com pontuação nas temporadas 2014 e 2015 nos campeonatos Brasileiro de Motocross e Arena Cross, não podem participar nesta categoria.

MX3
Motos: De 125cc até 250cc com motor 2 tempos / De 175cc até 450cc com motor 4 tempos
Faixa etária: Homens a partir de 30 anos / Mulheres a partir de 17 anos
* Pilotos até 34 anos com pontuação nas temporadas 2014 e 2015 nos campeonatos Brasileiros de Motocross e Arena Cross não podem participar dessa categoria.

MX4 
Motos: De 125cc até 250cc com motor 2 tempos/ De 175cc até 450cc com motor 4 tempos
Faixa etária: Homens a partir de 40 anos

MX5 
Motos: De 125cc até 250cc com motor 2 tempos / De 175cc até 450cc com motor 4 tempos
Faixa etária: Homens a partir de 50 anos

MXF (Feminina)
Motos: Até 150cc com motor 2 tempos/ Até 450cc com motor 4 tempos.
Faixa etária: Mulheres a partir de 14 anos.

PROGRAMAÇÃO

18/7 – sábado
Treinos livres

MX4 – 7h30 às 7h42 – 12 minutos
50cc – 7h47 às 7h59 – 12 minutos
MX5 – 8h04 às 8h16 – 12 minutos
MX2 Amador – 8h21 às 8h33 – 12 minutos
MX1 Amador – 8h38 às 8h50 – 12 minutos

Treinos classificatórios
MX4 – 9h20 às 9h38 – 15 minutos
50cc – 9h43 às 9h58 – 12 minutos
MX5 – 10h03 às 10h18 – 12 minutos
MX2 Amador – 10h23 às 10h41 – 15 minutos
MX1 Amador – 10h46 às 11h04 – 15 minutos

Reconhecimento de pista
MX3 – 11h40 às 11h55 – 15 minutos
65cc – 12h às 12h15 – 15 minutos
MXF – 12h20 às 12h35 – 15 minutos
MX Júnior – 12h40 às 12h55 – 15 minutos
MX2 – 13h às 13h15 – 15 minutos
MX1 – 13h20 às 13h55 – 15 minutos

Provas
MX4 – 14h20 – 10 minutos + 2 voltas
50cc – 14h45 – 10 minutos + 2 voltas
MX5 – 15h10 – 10 minutos + 2 voltas
MX2 Amador – 15h35 – 20 minutos + 2 voltas
MX1 Amador – 16h10 – 20 minutos + 2 voltas

19/7 – domingo
Treinos classificatórios

MX3 – 7h30 às 7h45 – 12 minutos
65cc – 7h50 às 8h05 – 12 minutos
MXF – 8h10 às 8h25 – 12 minutos
MX Júnior – 8h30 às 8h45 – 12 minutos
MX2 – 8h50 às 09h08 – 15 minutos
MX1 – 09h13 às 09h31 – 15 minutos

Provas
MX3 – 10h55 – 15 minutos + 2 voltas
65cc – 11h25 – 15 minutos + 2 voltas
MX2 – 1ª bateria – 11h55 – 30 minutos + 2 voltas
MX1 – 1ª bateria – 12h40 – 30 minutos + 2 voltas
MX Júnior – 13h55 – 20 minutos + 2 voltas
MXF – 14h30 – 10 minutos + 2 voltas
MX2 – 2ª bateria – 15h – 30 minutos + 2 voltas – Transmissão TV
MX1 – 2ª bateria – 15h45 – 30 minutos + 2 voltas – Transmissão TV

*Programação sujeita a alterações

Foto: William Lucas/Vipcomm



Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

Final do Brasileiro de Motocross acontece no Paraná

Orange BH KTM fará cerimônia de premiação e entrega de duas 200 Duke

Final da Polaris Cup teve grandes disputas Off Road e show aéreo

Arena Cross: Quarta etapa define os campeões da temporada 2016

Piocerá: Competição Off Road completa 30 anos em 2017

Sertões: Inscrições com desconto até 30 de novembro

Amador de Motocross teve grande final na temporada 2016

KTM lança série especial de motos de enduro no Brasil

Latino-Americano de Motocross: Maiara Basso é representante do Brasil

Ilhabela recebe grande final da temporada 2016 do Arena Cross

Maiara Basso é vice-campeã do Latino-Americano de Motocross

Amador de Motocross tem grande final neste domingo

Yamaha WR 250F 2015 traz tecnologia de MX para o enduro

Honda CRF 110F chega para completar o segmento off-road


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras