moto.com.br
Publicidade:

Off-Road

Fred Kyrillos vence o Brasileiro de Motocross Freestyle

02 de January de 2014
Compartilhe este conteúdo:

Um resultado colhido após muitos anos de trabalho e dedicação. É assim que o paulistano Fred Kyrillos define o título de bicampeão brasileiro de FMX, o Campeonato de Motocross Freestyle. Com a terceira vitória em três etapas realizadas em 2013, o piloto confirmou em Campinas (SP) o excelente momento que vive no esporte. Completaram ainda o pódio Marcelo Simões e Pedro Nougalli, segundo e terceiro colocados, respectivamente. Com a segunda colocação, Simões, de Herculândia (SP), confirmou o vice-campeonato da temporada. Já Pedrinho Nougalli, de Bragança Paulista (SP), teve seu melhor resultado em uma etapa organizada pela Confederação. A competição foi realizada pela CBER (Confederação Brasileira de Esportes Radicais) em parceria com a ONSPORTS.

Após confirmar mais um título brasileiro, Fred Kyrillos festejou: "Estou muito feliz com a conquista, ainda mais por ter sido o primeiro piloto a vencer todas as etapas do campeonato. Para mim essa é a concretização do trabalho intensivo que venho realizando nos últimos anos dentro e fora da pista, com seriedade, dedicação e disciplina", contou Kyrillos, que começou no FMX em 2005, quando tinha quase 20 anos de idade na época.

Uma escolha mais cautelosa dos movimentos de sua rotina, assim como a maneira que as manobras seriam distribuídos pela pista, acabou refletindo em uma apresentação efetiva, limpa e fluída do atleta. Isso fez com que ele conseguisse realizar um salto a mais do que a média geral dos demais pilotos. O que deixa claro a importância da estratégia no resultado final da competição.

"Acredito que minha volta foi bem rápida e consistente. Prestei bastante atenção nos critérios que os juízes iriam avaliar e construí uma volta pensando nisso. Particularmente gostaria de ter feito mais manobras de flip, mas como disse, fiz uma volta baseada no que os juízes estavam procurando", revelou Fred. "Com certeza essa realização não seria possível sem o apoio dos meus patrocinadores, Ipiranga, Protork, Monster Energy, Yamaha, Lost, Rinaldi, Solar das Andorinhas, Allsign e Bodytech, minha família, minha namorada, e meus parceiros de treino Jeff, Simões, Arnellas e Cainã", completou.

Marcelo Simões confirmou que é um dos principais pilotos de Freestyle do País. Considerado por muitos um dos atletas que melhor administram a pressão no ambiente do campeonato, o paulista confirmou o vice-campeonato em Campinas. A surpresa no pódio foi Pedro Nougalli, que acumulava dois sextos lugares na temporada. Um dos pilotos mais técnicos da chamada "nova geração" do esporte, Pedrinho encarou com tranquilidade os desafios da pista e ficou com o troféu de bronze.

Quarto colocado na etapa, Jonílson Lima da Sila, ou simplesmente Kiko Louco, fechou a temporada como terceiro colocado geral, somando as quintas colocações do Rio de Janeiro e Barueri com o resultado de Campinas. A surpresa positiva da temporada foi Cainã Silva, piloto catarinense campeão em 2012 da Categoria de Acesso, que terminou a etapa final na quinta colocação, superando nomes tradicionais como Tatá Mello e Jeff Campacci.

A terceira etapa do Campeonato Brasileiro de FMX 2013 teve a realização da Confederação Brasileira de Esportes Radicais em parceria com a ONSPORTS. Patrocinaram a etapa decisiva do Brasileiro de FMX a Caixa, Sedex, Rexona, Olla, Yamaha, Dolly e Hotel Fazenda Solar das Andorinhas.

Classificação da 3ª Etapa 1 - Frederico Kyrillos: 1000 pontos 2 - Marcelo Simões: 950 3 - Pedrinho Nougalli: 902 4 - Jonilson da Silva "Kiko Louco": 857 5 - Cainã Silva: 814 6 - Tatá Mello: 773 7 - Jeff Campacci: 735

Classificação completa do Campeonato Brasileiro 2013 1 - Frederico Kyrillos: 3000 pontos 2 - Marcelo Simões: 2802 3 - Jonilson da Silva "Kiko Louco": 2485 4 - Pedro Nougalli:2448 5 - Jeff Campacci: 1685 6 - Claudio Queiroz Rocha: 1554 7 - Cainã Silva: 1549 8 - Gilmar Flores "Joaninha": 902 9 - Wiley Fullmer: 857 10 - Tatá Mello: 773 11 - Gianpaulo Bergamini: 734 12 - Rodrigo de Oliveira "Rodrigão": 698 13 - Robertt Fire: 662

Fotos: Marcelo Mug (ONSPORTS)/Divulgação



Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

Orange BH KTM fará cerimônia de premiação e entrega de duas 200 Duke

Final da Polaris Cup teve grandes disputas Off Road e show aéreo

Arena Cross: Quarta etapa define os campeões da temporada 2016

Piocerá: Competição Off Road completa 30 anos em 2017

Sertões: Inscrições com desconto até 30 de novembro

Amador de Motocross teve grande final na temporada 2016

KTM lança série especial de motos de enduro no Brasil

KTM lança série especial de motos de enduro no Brasil

Latino-Americano de Motocross: Maiara Basso é representante do Brasil

Ilhabela recebe grande final da temporada 2016 do Arena Cross

Maiara Basso é vice-campeã do Latino-Americano de Motocross

Amador de Motocross tem grande final neste domingo

Yamaha WR 250F 2015 traz tecnologia de MX para o enduro

Honda CRF 110F chega para completar o segmento off-road


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras