moto.com.br
Publicidade:

Off-Road

Brasileiro de MX: A força do motocross na América Latina

Confederação Brasileira de Motociclismo ressalta importância da competição nacional no cenário internacional

10 de July de 2014
Compartilhe este conteúdo:

O Campeonato Brasileiro de Motocross é sem dúvida a maior competição da modalidade no país, como ressalta a CBM (Confederação Brasileira de Motociclismo), sendo ainda considerado o mais forte e bem organizado da América Latina e um dos principais do mundo, mesmo que a prática do motociclismo não seja um dos esportes mais difundidos e valorizados pelos poderes públicos no Brasil.

A prova de que o Campeonato Brasileiro é reconhecido na América Latina inteira e por outros países que são considerados mundialmente fortes no Motocross é a quantidade de pilotos estrangeiros que desembarcam em solo brasileiro: Carlos Campano (Espanha), Adam Chatfield (Inglaterra), Julien Bill  (Suíça), Kyle Regal (EUA), Paulo Alberto (Portugal), Jetro Salazar (Equador) e Humberto Martin (Venezuela). Esses são alguns dos nomes presentes apenas na temporada 2014, além dos que já passaram por aqui.

O venezuelano Humberto Martin, o Machito, que disputa a categoria MX1 no Brasileiro de Motocross garante que o Campeonato é um dos melhores que já disputou. “Já tive a oportunidade de correr em vários países da América Latina. Já fui à Costa Rica, Honduras, Porto Rico, Colômbia, Equador, Peru, Chile, Uruguai, Cuba, Brasil e Venezuela. Eu acredito que o Campeonato Brasileiro é um dos melhores se não o melhor da América Latina. É difícil avaliar uma instituição, mas olhando de fora como piloto, acho que o nível técnico e a organização da CBM são bons”, afirma o piloto que está no top 7 da temporada.

Outro piloto estrangeiro que chegou recentemente ao Brasil é o equatoriano, Jetro Salazar. O piloto que está na vice-liderança da MX1 este ano também tem gostado do que está vendo por aqui. “O Campeonato Brasileiro sem dúvidas é o de maior nível técnico e melhor organizado em toda América Latina. Estou muito feliz por estar aqui e de como as coisas estão indo”, ressalta o piloto.

Jetro Salazar já participou da maioria dos Campeonatos Latino-americanos, em países como Venezuela, Chile, Equador, Colômbia, Peru, Panamá e República Dominicana. “Em toda minha carreira participei de provas ao redor da América. Também tive a oportunidade de viver um ano e meio correndo a maioria dos campeonatos amadores nacionais dos Estados Unidos. Acredito que o nível técnico e a organização do Campeonato Brasileiro são muitos bons e sem dúvidas um dos melhores campeonatos do mundo. Embora eu só tenha participado de duas corridas é muito perceptível que a organização é diferente dos outros países em que eu já corri”, garante Jetro Salazar.

O Campeonato Brasileiro de Motocross é dividido em oito etapas. A próxima prova da competição será realizada em Canelinha (SC), nos dias 16 e 17 de agosto. Será a 3ª etapa da Temporada 2014.



Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

KTM anuncia injeção eletrônica para motor dois tempos

Sertões: Confira o roteiro da edição história de 25 anos

MXF Motors do Brasil lança quadriciclo de 150 cilindradas

Luis Oliveira vence abertura do Brasileiro de Enduro FIM

Honda Racing anuncia sua equipe oficial de rali e enduro

Ramon Sacilotti vence o Rally de Barretos 2017

Abertura do Brasileiro de Enduro FIM acontece no sábado (18)

Abertura do Brasileiro de Enduro FIM acontece no sábado (18)

Ramon Sacilotti vence o Rally de Barretos 2017

Moara Sacilotti, piloto de rally, e a paixão pelo mundo Off Road

Luis Oliveira vence abertura do Brasileiro de Enduro FIM

Honda Racing anuncia sua equipe oficial de rali e enduro

Copa Verão de Motocross levou adrenalina para Atibaia

Bananalama 2017: abertas as inscrições para o encontro de trilheiros


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras