moto.com.br
Publicidade:

Motovelocidade

SBK Series: Maico Teixeira vence 2ª etapa em Interlagos

29 de April de 2013
Compartilhe este conteúdo:

Sobrou emoção e velocidade na disputa no SuperBike Series Brasil. A segunda etapa da temporada 2013 foi realizada em Interlagos, no último domingo (28/04), e ficou marcada pela quebra do recorde de velocidade da pista durante a corrida pelo piloto Maico Teixeira (#36), da Equipe Honda Mobil, e pelo público de mais de 35 mil pessoas que lotou as arquibancadas.

Maico Teixeira foi o vencedor da categoria SuperBike Pro e ainda estabeleceu nova marca do tradicional circuito paulistano, na sexta volta, quando virou em 1min38s519. Bruno Corano (#34), da Elf Monster Energy Kawasaki SBK Team, foi o segundo. O italiano Sebastiano Zerbo (#81), do Team SBK Ducati Perfect Motors, ficou em terceiro; Danilo Lewis (#17), da SBK Brasil, foi quarto. Diego Pretel (#88), do Team SBK Ducati Perfect Motors, ficou em quinto.

Maico Teixeira, que largou na pole, perdeu posições e caiu para terceiro. Na quarta volta, numa única manobra, superou Zerbo, José Luiz Cachorrão (#51), da Equipe Honda Mobil. "Foi uma prova desgastante. Perdi a primeira colocação e tive de buscar a recuperação. No final, o Bruno se aproximou, mas eu tinha ainda um pouco de gás para segurá-lo", afirmou. O gaúcho, que faz aniversário nesta segunda-feira (dia 29), festejou também a conquista do recorde. "Sabia que o pneu estava bom e por isso consegui andar forte", disse.

Bruno Corano destacou a presença do público. "Mesmo não tendo condição de ouvir, a gente sente a vibração das pessoas nas arquibancadas. Dá para imaginar como foi emocionante a chegada", afirmou. Ele cruzou a linha apenas 0,110 segundos atrás de Maico.

CONFIRA OUTROS RESULTADOS

SuperBike Pro Amador - O carioca Marcelo Cortes (#144), da SBK Rio, foi o primeiro entre os pilotos da SuperBike Pro Amador a cruzar a linha de chegada. Em segundo, chegou João Sobreira (#113), da Andric Motorcycle, e o terceiro foi Leo Moya (#7), da Motom, e Pedro Chernicharo, (#212), da BH Racing, chegou em quarto.

SuperBike Pro Master - Luiz Cerciari (#3), da Cerciari Racing School, foi o mais rápido na SuperBike Pro Master. Ele estabeleceu o tempo de 1min41s591. Ricardo Mauro Gornati (#99), da RacinGornati, ficou com a segunda colocação. O terceiro foi Ricardo Sune (#133), com 1min46s349. Elson Tenebra (#2), com 1min49s994, terminou em quarto. O quinto posto foi ocupado por Carlos Augusto Pop (#94), da Pop Racing, com 1min52s253.

SuperBike Pro Estreante - Entre os pilotos da categoria SuperBike Pro Estreante, o primeiro colocado foi Pablo Moyses (#777), da BH Racing. "Enfrentei pequenos problemas com a moto, mas consegui evoluir. Espero que, na próxima corrida, eu possa baixar ainda mais meu tempo e andar entre os primeiros", afirmou. O segundo a cruzar a linha de chegada foi Ricardo Araújo (#69), da Lelis Motorsports. Cezar Lombard (#33), da Boardsak, o terceiro. Completaram o pódio Ricardo Matiussi (#130), da Mizano Racing, que chegou em quarto, e Irineu Júnior (#322), da equipe Descabela Viana Racing Km Som.

SuperBike Light - Filip Kaseres (#277), da Cerciari Racing School, largou na frente e venceu a corrida da categoria SuperBike Light. "Foi minha segunda corrida e me dei bem na pista", afirmou o piloto. O segundo colocado foi James Michel Mike (#137), da Misano Racing. O terceiro a cruzar a linha foi Rodrigo Sobral (#120), da Gornati Racing. O pódio foi completado por Luciano Pokemon (#19), da Pokemon Racing, que chegou em quarto, e Ricardo Negretto (#38), da Myself Racing, em quinto.

SuperBike Light Master - O carioca Carlos Quintas (#11) foi o primeiro na SuperBike Light Master. "Estou muito feliz com o resultado. Tivemos muito trabalho para acertar a moto, que é nova. Tenho muito orgulho de correr aqui, de participar de um evento tão bom como o SuperBike Series", elogiou. José da Cunha (#133), da Boardsak, foi o segundo da categoria. Marco Tulio Guimarães (#27), chegou em terceiro. O quarto lugar ficou para Joaquin da Costa (#696) e Jun Sakakibara terminou em quinto.

SuperSport 600cc Pro - Douglas Figueiredo (#777), da Bordsak, confirmou o favoritismo na 600cc SuperSport Pro. Ele largou na primeira colocação e foi o vencedor. "Eu consegui manter um ritmo muito bom. Andei mais tranquilo quando vi os adversários ficando para trás na pista", disse o piloto. André Veríssimo (#9), da Bike Wash K10 Motos, que partiu na segunda colocação, cruzou a linha de chegada na mesma posição. O pódio foi completado por Dudu Costa Neto (#117), da Mobil Rush Racing, que chegou em terceiro, Alex Schultz (#22), da Schultz Racing, ficou em quarto e Marcos Senra (#67), chegou em quinto lugar.

SuperSport 600cc Pro Amador - Fabiano Carazzai (#96), da MotoSchool Racing Team, subiu ao lugar mais alto do pódio na categoria 600cc SuperSport Pro Amador. "Estou satisfeito. O resultado foi totalmente inesperado, pois na terça-feira contundi o pescoço. Meu ritmo de treino não foi bom, mas a vitória me deixou muito feliz", festejou. O segundo colocado foi Douglas Pecoraro (#19), seguido por Diego Guimarães de Faria (#4), da BH Racing. A quarta colocação foi obtida por Antonio Carlos Frazen (#10) e Sebastião Rochon (#27) completou o pódio.

Copa Honda CBR 600F - Lucas Teodoro (#41), da ST Racing, venceu a prova da categoria Copa Honda CBR 600F. "Estou muito feliz. Foi a primeira vez que andei com a moto e me adaptei muito rápido", afirmou o piloto. Em segundo lugar ficou Giovandro Tonini (#89), da Alemão Pneus Racing. A terceira colocação foi obtida por Pik Santoro (#11). Beto Van Cleef (#162), da MotoSchool Racing Team, terminou em quarto e Geison Barros (#2), da LGL Rodabril Team completou o pódio.

Copa Honda CB 300R Pro - Osvaldo Jorge Filho, o Duende (#55), da Duende Racing, deu o bote na reta final, saiu da terceira colocação e cruzou a linha de chegada em primeiro. "Foi uma corrida acirrada, porém limpa. Minha estratégia foi deixar para decidir no final. E deu certo", afirmou o ganhador. O segundo colocado foi Maurício Venhoven (#17), da Tuba Motos. Em terceiro chegou Rubens Pacheco de Oliveira (#200), da Rodas Mil competições, seguido por Silvio dos Anjos (#30), da Rodas Mil, e Anderson Pinto (#84), da Racers 43.

Copa Honda CB 300R Light - Murillo Grandino Latorre (#954) foi o vencedor da categoria Light na Copa Honda CB 300R. O piloto esteve muito perto de cruzar a linha de chegada na primeira colocação da geral (ficou em terceiro), mas saiu satisfeito. "Foi uma disputa com amigos. Cheguei a tentar usar o vácuo para ganhar posição no final, mas não consegui. Queria ser o vencedor na geral. Não deu, mas estou feliz", afirmou. O segundo colocado foi Allex Alvarenga (#50). Marcus Dias Marcondes (#6), da Tuba Motos, chegou em terceiro, seguido por Jhony da Silva (#2) e Regis Gomes Primos (#126), da equipe Primos.

Copa Kawasaki Ninja 300cc Pro - André Gama (#46), da equipe Procomps, foi o vencedor da Copa Kawasaki Ninja 300cc Pro. O segundo lugar ficou para Henrique Serra (#5), da Serra Racing. A terceira posição no pódio foi ocupada por Josué de Araújo Júnior (#404), da Gyn Racing Team.

Copa Kawasaki Ninja 300cc Light - O piloto Erinaldo Bezerra (#19) foi o primeiro colocado. O segundo foi William Rodrigo Ribeiro (#15), da WR Racing Team. Em terceiro, chegou Maurício dos Santos (#13). O quarto lugar ficou para Carlos Bento (#34).

Copa Kawasaki Ninja 250R Pro - Marcelo Augusto Cristal (#9), da equipe Boardsak, venceu a prova da Copa Kawasaki Ninja, categoria 250R Pro. No segundo lugar chegou Carlinhos Andrade (#43),da Pro Rici Team, seguido por Julio Castroviejo (#24), da Sarachú Racing Team. Também subiram ao pódio Carlos Passaro (#77), da Duda Racing, que ficou em quarto, e Daniel Oliveira (#25), da Sarachú Racing Team.

Copa Kawasaki Ninja 250R Light - O piloto Cristiano Aires (#14), da Duende Racing, foi o primeiro na Copa Kawasaki Ninja 250R Light. No pódio, ele teve companhia de Claudinei Costa e Silva (#44), o segundo colocado; Thiago Costa (#81), Cleber Parrado (#117) e Vitor Batista (#999), todos da equipe Procomps.

Fotos: Donini Produções e Luiz Pires (Vipcomm)/Divulgação



Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

Alex Barros vence e dá show na final do Superbike Brasil

SBK Brasil: Diego Faustino vence a temporada 2016 na SuperBike PRO

SBK Brasil: Interlagos vai definir os campeões em 2016

MotoGP define o calendário da competição em 2017

SBK Brasil: Quatro categorias já têm campeões definidos

ICGP: Guy Bertin é o grande campeão na temporada 2016

SBK Brasil: Última etapa acontece em Interlagos em dezembro

SBK Brasil: Diego Faustino vence a temporada 2016 na SuperBike PRO

Copa Red Bull convoca 23 nomes para a temporada 08

SBK Brasil: Interlagos vai definir os campeões em 2016

SBK Brasil: Quatro categorias já têm campeões definidos

Entenda como funciona um Track Day

SBK Brasil: Mudança de calendário e circuitos na temporada 2016

ICGP: Guy Bertin é o grande campeão na temporada 2016


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras