moto.com.br
Publicidade:

Motovelocidade

Moto 1000 GP: Tiago Magalhães reforça equipe brasileira

Piloto português com grande experiência internacional acelera pela equipe Scigliano Racing em 2014

08 de April de 2014
Compartilhe este conteúdo:

Mais um piloto europeu tem participação confirmada na temporada de 2014 do Moto 1000 GP. O português Tiago Magalhães, 30 anos, será o piloto da Scigliano Racing na disputa pelo título da categoria GP 1000, a principal do Campeonato Brasileiro de Motovelocidade. A primeira das oito etapas da competição reunirá os pilotos de suas quatro categorias no dia 4 de maio em Santa Cruz do Sul (RS), no Autódromo Internacional Oswaldinho de Oliveira.

Tiago Magalhães destaca a expectativa de “um grid muito forte”. “A presença de pilotos como Mathieu Lussiana, Diego Pierluigi, Miguel Praia e os demais estrangeiros, além dos principais pilotos brasileiros, me animou para disputar o Moto 1000 GP”, revela o português. A Scigliano Racing, equipe do piloto Sidnei Scigliano, vai trazer para o Brasil o preparador Francisco Batista, com quem o português trabalha há vários anos na motovelocidade da Europa.

Bicampeão português das 1.000 cilindradas em 2011 e 2013, Tiago Magalhães é um telespectador assíduo do Moto 1000 GP. “Eu acompanho as corridas desde o início, sobretudo desde que o Miguel Praia começou a participar”, manifesta, citando a presença de seu compatriota, que terminou o campeonato de 2013 em quarto lugar. “Com a boa estrutura da equipe e o entrosamento que tenho com o Francisco a expectativa é de disputar vitórias”, acredita.

O português mantém planos de continuar correndo na Europa. “Quero conciliar o Moto 1000 GP com o Campeonato Espanhol de Velocidade e vou disputar o GP de Macau, mas o foco está no Brasil”, diz. Tiago Magalhães planeja o primeiro contato com a equipe para os testes coletivos do Moto 1000 GP em São Paulo (SP) nos dias 18, 19 e 20. “Torço para minha experiência na Europa ser útil no Brasil, e quero trazer a para cá a experiência de correr no Brasil”.

A Scigliano Racing soma dois títulos no Moto 1000 GP. O primeiro foi o do piloto André Veríssimo na categoria GP 600, em 2012. O outro, em 2013, foi conquistado na GP Máster pelo próprio Sidnei Scigliano, que neste ano passa a atuar apenas como chefe de equipe. A participação na GP 1000, a categoria principal do evento, é inédita para a equipe. “Estaremos fortes, ainda mais com a presença do campeão português e de seu preparador”, diz Sidnei Scigliano.

O chefe de equipe aposta no sucesso da nova parceria. “Os serviços do Francisco Batista também serão oferecidos aos pilotos que vierem a disputar a temporada do Moto 1000 GP pela nossa equipe. Conquistamos o patrocínio da Guedala Veículos Indústria Automotiva & Carros Antigos e, embora eu mesmo seja suspeito para fazer essa observação, acho que temos um pacote bastante atraente para oferecer aos nossos pilotos em 2014”, acrescenta.



Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

MotoGP: GP dos EUA acontece neste domingo (23/04)

SBK Brasil abre temporada 2017 na pista de Interlagos

Yamaha fatura 24 Horas de Le Mans com direito a dobradinha

Danilo Lewis garante liderança no Paulista de Motovelocidade

WSBK: Argentina entra no calendário 2018 com nova pista

MotoGP: Belas gatas no paddock do GP da Argentina

Aos 46 anos, Alex Barros retorna às pistas no SBK Brasil 2017

Yamaha fatura 24 Horas de Le Mans com direito a dobradinha

Danilo Lewis garante liderança no Paulista de Motovelocidade

SBK Brasil abre temporada 2017 na pista de Interlagos

Aos 46 anos, Alex Barros retorna às pistas no SBK Brasil 2017

Yamaha R3 Cup é a nova categoria para jovens pilotos

Entenda como funciona um Track Day

MotoGP: AGV desenvolve novo capacete para Valentino Rossi


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras