moto.com.br
Publicidade:

Motovelocidade

Moto 1000 GP: Série Cup Escola forma novos talentos

30 de July de 2015
Compartilhe este conteúdo:
 
O GP Campo Grande, que reuniu mais de 21 mil torcedores no último domingo (26/07) e marcou o encerramento da primeira metade da temporada 2015 do Moto 1000 GP, apresentou uma novidade ao público do Campeonato Brasileiro de Motovelocidade. O evento contou com a primeira etapa da Cup Escola, uma competição paralela direcionada a motociclistas habituais que nunca tomaram parte de quaisquer corridas ou campeonatos.
 
“A Cup Escola cria para os motociclistas a oportunidade de darem uma utilização esportiva às suas motos no mesmo ambiente de uma competição de nível internacional”, resume o organizador do Brasileiro, Gilson Scudeler. O projeto foi implantado em parceria com a Motors Company, do piloto e instrutor Leandro Mello, que coordena as atividades teóricas e de pista ao lado do também piloto Alan Douglas, campeão do Moto 1000 GP em 2011.
 
“Trata-se de um projeto que há algum tempo nós queríamos implantar, e a parceria com a Motors Company trouxe a condição para a realização da Cup Escola. Fizemos uma prova experimental na etapa anterior, em Goiânia, e a de Campo Grande foi a primeira das cinco válidas da nova modalidade”, explica Scudeler. A Cup Escola levará motociclistas à pista também nas quatro etapas restantes da temporada de 2015 do Brasileiro de Motovelocidade.
 
A Cup Escola não integra o Campeonato Brasileiro de Motovelocidade. “É uma copa, como o nome sugere, que vai acompanhar o Moto 1000 GP. Os participantes terão à disposição toda a infraestrutura, esquema de segurança e resgate, regras claras, programação de treinos e corrida, a premiação no pódio. Enfim, eles, vão se divertir competindo contra outros motociclistas que têm o mesmo nível de conhecimento e habilidade”, conclui Scudeler.
 
A primeira corrida da Cup Escola, que integrou a programação do Moto 1000 GP em Campo Grande, teve percurso de 10 voltas, com vitórias de Alex Borges. O pódio da categoria para motos de 1.000 cilindradas contou ainda com Ale Fernandes, Hugo Makitani, Alexandre Muniz e Andrey Leandro, nesta ordem, completando as cinco primeiras posições. Na categoria das 600cc, os três primeiros foram Fernando Alcazar, Fabrício Correa e Rodrigo Martinelli.
 
RESULTADOS - CUP ESCOLA – ETAPA DE CAMPO GRANDE
(Resultado final da primeira corrida do projeto)
1º) Alex Borges, 16min01s252
2º) Ale Fernandes, a 34s944
3º) Hugo Makitani, a 51s882
4º) Alexandre Muniz, a 54s527
5º) Andrey Leandro, a 1min32s419
6º) Fernando Alcazar, a 1 volta
7º) Fabrício Correa, a 1 volta
8º) Rodrigo Martinelli, a 1 volta
Melhor volta: Borges, na 10ª, 1min33s890, média de 131,556 km/h 
 
Foto: William Inácio/Grelak Comunicação


Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

SBK Brasil: Diego Faustino vence a temporada 2016 na SuperBike PRO

SBK Brasil: Interlagos vai definir os campeões em 2016

MotoGP define o calendário da competição em 2017

SBK Brasil: Quatro categorias já têm campeões definidos

ICGP: Guy Bertin é o grande campeão na temporada 2016

SBK Brasil: Última etapa acontece em Interlagos em dezembro

MotoGP: Gatas no paddock do GP da Espanha

SBK Brasil: Interlagos vai definir os campeões em 2016

SBK Brasil: Diego Faustino vence a temporada 2016 na SuperBike PRO

SBK Brasil: Quatro categorias já têm campeões definidos

Copa Red Bull convoca 23 nomes para a temporada 08

Entenda como funciona um Track Day

ICGP: Guy Bertin é o grande campeão na temporada 2016

SBK Brasil: Mudança de calendário e circuitos na temporada 2016


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras