moto.com.br
Publicidade:

Colunistas - Oswaldo F. Junior

Respeitando a vida e a motocicleta

13 de February de 2013
Compartilhe este conteúdo:

Oswaldo Fernandes Junior

Compartilhamos muitos momentos nesta louca aventura chamada motociclismo. Conhecemos pessoas, revalidamos valores, vestimos a alma, propomos a liberdade e chegamos a conhecermos a nós mesmo, que até então, julgamos ser tão perfeitos, quanto à opção que fazemos pelas nossas motocicletas.

Aprendemos que os verdadeiros motociclistas são aqueles que sabem conviver com as diferenças, que dividem as emoções, compartilham momentos e que valoriza a vida em seu esplendor, independente do estilo pessoal, da moto ou atividade profissional. A simples comparação de nossa vida neste mundo, com a de uma viagem de motocicleta, torna-se subjetiva para entender que um dia esta viagem tem fim, e que depende de nós para a felicidade, alegria e o prazer de termos esta oportunidade. 

Muitos momentos são compartilhados neste apaixonante mundo do motociclismo.  Muitos são os amigos que conquistamos nestes grandes momentos que são vivenciados. Juntos planejamos rotas, construímos futuros, atravessamos pontes, vislumbramos paisagens.  

O vento alimenta o espírito, a chuva impõe seu respeito, a estrada alimenta a alma, e fortalecemos muito a fé, principalmente naqueles momentos que duvidamos de nós mesmo. Grandes momentos e sensações. Sentimos o poder da vida em sua plenitude.  

Um mundo que se completa com a família, os amigos, as motocicletas e os planejamentos para o futuro. Para cada sonho que se realiza, uma nova viagem inicia, uma nova partida, um novo desafio, deixando aperto no coração para o reencontro da chegada. 

Devemos compreender que esta aventura exige atenção, preparo, planejamento e cuidados de segurança, de nossa saúde, e do espírito destas máquinas, que por muitas vezes parecem ter vontade própria, nos desafiando ao limite, onde se não estivermos atentos, podemos ser facilmente vencidos.

Tivemos amigos que partiram sem volta, onde a aventura superou a vida, nesta viagem insana, onde aceleram para o fim, deixando histórias inacabadas e sentimentos de dor aos que ficaram. Que saudades destes amigos, aqueles que nos acompanharam de sorriso aberto, brilho nos olhos e sede de viver. Que caminho seguiram rumo aos sonhos? Ficaram as fotos e as lembranças do passado. Muitos se foram nesta estrada sem volta.

Não podemos ficar quietos e aceitar o sofrimento de perdermos pessoas tão especiais.  Não devemos acelerar para o fim, vamos aproveitar cada etapa juntos. Temos de valorizar a vida, desafios fazem parte do ser humano, mas devemos ser conscientes e seguros, para juntos, fortalecer ações e princípios ao bem estar, onde a desatenção, o descaso, a insensatez, a vaidade sejam ultrapassados em nome da vida e da felicidade.

O valor de nossos amigos só é realmente sentido, quando sabemos de sua importância ao nosso lado, sabendo que isto jamais poderá ocorrer novamente.  Vamos cuidar mais de nós mesmos, vamos cuidar mais de nossos amigos, vamos nos precaver, vamos promover a cidadania, respeitar regras e regulamentos, vamos fortalecer as emoções e proporcionar atos seguros. 

A paixão do motociclismo está na liberdade de podermos ir e vir, com a segurança de que muitas viagens estarão pela frente. Vamos estar atentos e preparados para que a próxima viagem não seja a última, e podermos compartilhar a importância da emoção do quanto é maravilhoso viver e aprender com estas motocicletas.

É isto aí, nos vemos pelas estradas.

Oswaldo Fernandes Junior é consultor de pilotagem, segurança e resistência da Omno (www.omnoweb.com.br) e diretor-técnico da CBM (Confederação Brasileira de Motociclismo) para provas de Moto-Turismo e resistência. Fez diversos cursos nacionais e internacionais. Para ele, moto e estrada é uma combinação mais que perfeita.



Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

Alasca - Superando os limites da última fronteira

Respeitando a vida e a motocicleta

Uma nova experiência com o deserto do Atacama

Compartilhando emoção e razão ao motociclismo

Viajando pela rota dos incas, região de Cusco (Peru)

Revalidando seus limites através do motociclismo

Convite para revolução ao motociclismo

Alasca - Superando os limites da última fronteira

Uma nova experiência com o deserto do Atacama

Convite para revolução ao motociclismo

Viajando pelos Estados Unidos

Viajando pela rota dos incas, região de Cusco (Peru)

Compartilhando emoção e razão ao motociclismo

Viaje em grupo com segurança


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras