moto.com.br
Publicidade:

Colunistas - Giglio Val

MotoGP: Brno, o inicio do fim...

26 de August de 2013
Compartilhe este conteúdo:

Giglio Val

Pois é... havia escrito no ultimo post , que se desse MM93 de novo , o campeonato caminharia para um final que a princípio seria inusitado... A vitória de um estreante!

Matematicamente não esta definido , mas acho  que o caldo entornou de vez para Lorenzo dada a diferença , e para Pedrosa dado o seu braço.

Verdade é que está difícil de segurar o moleque!...e como...

Lorenzo largou muito bem saindo de 5º , pulou para primeiro , e chegou a abrir 1.2 segs de Marquez , que saiu em 3º e fez a primeira curva em 2º. Por umas quantas voltas, a sequencia Lorenzo, MM e  Pedrosa se manteve... Fato é que Pedrosa, sob brutal pressão na equipe, apertou Marc algumas vezes, mas  fato  é que ele tem medo de arriscar, falta muito arrojo naquela Honda de numero 26. Justo o que sobra na 93!

Lorenzo andou muito bem, apesar de ser muito mascarado (opinião do colunista!), é muito bom no que faz, e lutou muito quando sentiu a chegada de Marquez. Chegaram a  alternar posições em bonita disputa, mas não deu. Marc passa no ultimo terço da prova e se manda.

Com suas forças exauridas  Lorenzo vê  Pedrosa também passar e Lorenzo vai ficando. Ele ainda não esta 100%.

Novamente a cara dos dois, Lorenzo e Pedrosa, no parque fechado, era de enterro. O tema é também com relação ao ápice moral e de confiança que Marc Marquez tem agora.

E lá vem outra pauleira que é Silverstone, circuito onde a formiga atômica costuma andar muito bem... e agora!
A Yamaha é uma moto cujas características de seu chassis mais robusto e de ciclística suave, teria uma boa fluidez neste circuito... e realmente foi assim. A Honda tem uma distancia de eixos um pouco mais curta, é mais nervosa em pistas mistas, e a relação de seu potente  motor com um chassis “ inquieto”, é uma verdadeira ”mulher de malandro” , quanto mais apanha, mais gosta!... e como aquele moleque bate nela!...  e de todos os lados, barrabás!  ... Alias, esta aí uma fraqueza do Pedrosa... não consegue bater nela.

Houve corrida para trás? ...sim claro. No segundo pelotão, Cruthlow que vinha de uma péssima largada, tentou acompanhar o trio espanhol, mas teve dificuldades. Acabou caindo na frente de Bautista, voltou mas muito atrasado...acabou chegando em 17º, sem pontos.

Bautista protagonizou um bela luta com Rossi, este que veio mais de trás, e no final encostou no 2º pelotão, e acabou na frente por pouco. Outra corrida “meia boca “ do Rossi... esta certo que chegou em 4º, mas não esteve bem, não esta conseguindo sequer acompanhar o 1º pelotão, e chegou 8 segs atrás de Lorenzo!

Bradl fez uma corrida apagada, tinha um nítido problema de velocidade em saída de curvas, e acabou num pífio 6º, a 20 segs do líder.

Um aspecto técnico em pilotagem que chamo a atenção do  colega leitor é a nítida diferencia de estilo de pilotagem entre aqueles pilotos que vieram do Moto2 ( MM, Bradl , Iannone etc), e aqueles que nunca estiveram lá ( Lorenzo , Pedrosa , Rossi etc...).

Os que vieram do Moto2 costumam “surrar“ mais o equipamento, e utilizam mais o freio motor (característico no Moto2), fazendo a traseira escorregar pela lateral no preparo do ataque a curva. É uma necessidade no Moto2, e não no MotoGP, mas são vícios que ficam. Observem isto na próxima corrida!

No Moto2, surpresa com a vitória de Mika Kallio, e o retorno de Luthi ao podium, em 3º. Os lideres não terminaram tão bem como de costume, com Redding em 8º e Espargaro em 4º.

No Moto3, possivelmente o melhor fim de semana do Eric Granado, com sua melhor posição de largada, em 15º !... mas na corrida termina em 22º, novamente comento que ele vem evoluindo, quem sabe pega no “tranco” e nos dá uma surpresa este ano...( entende-se por surpresa um top 10 em corrida....)

Bora fazer as malas para Silverstone!

Fotos: MotoGP



Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

MotoGP Valência: O último dos recordes!

MotoGP Malásia: O templo dos recordes!

MotoGP Austrália: Entre erros e injustiças, fez-se justiça

MotoGP Japão: Terra onde não é preciso vencer para ganhar

MotoGP Aragón : Show de talento, estratégia e burrice...

MotoGP Misano: A bendição dos Deuses e a retratação dos mortais!

MotoGP UK: Na pedra de prata, o retorno da normalidade

O que ficou de 2013 na alta competição da MotoGP?

MotoGP Catar 2014: Um começo mais que eletrizante

MotoGP vai acabar... Viva as CRT!!

MotoGP Malásia: O templo dos recordes!

MotoGP Misano: A bendição dos Deuses e a retratação dos mortais!

Equipe RC3 chega como boa novidade no Moto 1000 GP

MotoGP Assen: o deus das 2 rodas voltou!


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras