moto.com.br
Publicidade:

Acontece

Yamaha MT-03 é a naked com motor de 320cc

25 de September de 2015
Compartilhe este conteúdo:

Cícero Lima

Com a mesma base mecânica da mini-esportiva R3, a Yamaha lançou no Japão a naked MT-03. O modelo, que tem preço 15% inferior à esportiva, mostra que a marca vem adotando uma postura agressiva em relação ao design e evolução mecânica de seus modelos. Destinada aos motociclistas que gostam de esportividade, porém buscam uma moto com uma postura mais confortável, a MT-03 traz o mesmo motor usado na pequena esportiva R3. E, portanto, nada tem a ver com a já aposentada MT-03, que foi vendida no Brasil em 2008 e utilizava o monocilíndrico de 660cc da XT 660R. Trata-se de uma moto completamente nova.

O propulsor traz dois cilindros paralelos de 321cc, duplo comando, quatro válvulas e refrigeração líquida. Capaz de atingir a potência máxima de 42 cavalos, o motor gosta mesmo de giro alto – uma vez que sua potência máxima só é atingida a 10.750 giros. Já o torque máximo, de 3.00 kgf.m, está disponível em 9.000 rpm.

O novo modelo também está mais leve que sua irmã esportiva: pesa 165 kg (contra os 169 kg da R3). Mas a grande diferença fica por conta da posição de pilotagem. Com a adoção do guidão de peça única e mais alto o piloto se mantém em posição ereta, menos esportiva.

O banco está a 780 mm do solo e, por ser estreito, permite que a maioria dos pilotos apóie os pés no chão com facilidade. Porém, o assento não deve ser ideal para longas jornadas. Nesta situação, a MT-03 é ainda menos empolgante para a garupa. Além do banco com uma fina camada de espuma a pedaleira está fixada em uma posição bem elevada. Ou seja, a garupa terá sempre as pernas bem flexionadas. Uma alça de apoio em alumínio para se segurar e os ganchos para a fixação de bagagens são os únicos “luxos” para o acompanhante.

Ciclística
Equipada com quadro do tipo Diamond, a MT-03 usa rodas de liga leve de 17 polegadas calçadas com pneus radias. As medidas - 110/70, na dianteira, e 140/70, na traseira - são bem generosas para uma moto dessa categoria e conferem um porte de motor maior à nova MT-03. O conjunto de suspensões não apresenta novidades. Na frente, o clássico garfo com tubos telescópicos, enquanto a balança traseira usa o sistema de monoamortecimento.

Nos freios, a nova MT-03 traz um disco dianteiro de 298 mm com pinça de dois pistões, e um disco simples (220 mm) com pinça de um pistão completa o conjunto na traseira. A distância entre eixos é de 1.380 mm e o vão livre do solo é de apenas 160 mm, ou seja: exige cuidado ao superar obstáculos como entradas de garagens ou lombadas mais altas.

Sofisticada
Embora as especificações técnicas não mostrem revoluções técnicas, visualmente a moto é muito empolgante. Detalhes charmosos como o cobre corrente, as pedaleiras e seus suportes mostram que a fábrica realmente caprichou no acabamento. Além disso, o design é digno de suas irmãs maiores como a MT-07 e MT-09, linhas minimalistas e afiladas transmitem a sensação de velocidade. Já o enorme radiador e o spoiler sob o motor ajudam a encorpar a moto que se torna ainda mais agressiva graças às luzes em Led acima do farol poligonal.

Por conta de suas medidas, a nova MT-03 deverá causar a mesma reação que sua irmã R-3: pouca gente saberá que se trata de uma moto de “apenas” 320 cc. Aliás, esse é o “grande barato” dessas motos de média capacidade: transmitir a imagem de serem maiores do que realmente são. No Japão, a Yamaha informa que a previsão de vendas é de 4.000 unidades/ano. O modelo deverá ser mostrado no Salão de Motos de Milão (ITA), que acontece em novembro. E não há previsão de chegada ao Brasil. Mas como sua irmã esportiva YZF-R3 também veio para nosso mercado, não seria arriscado apostar que, em médio prazo, a nova naked MT-03 poderá rodar em nossas ruas e estradas.



Fonte:
Agência Infomoto
Compartilhe este conteúdo:

Bonneville T120 Black é novidade da Triumph no Brasil

Nova Harley Roadster 2017 chega em dezembro

Motor Show agitou Londrina (PR) com várias atrações

LifeMotosBr: CB Twister - Que gasolina usar na motoca

KTM promove recall para a linha Adventure 1190 e 1290

Exclusivo: entrevista com Fernando Filie - planos da Ducati para 2017

Salão Moto Brasil vai ter exposição de motos customizadas

Harley-Davidson e SENAI inauguram Centro Técnico em São Paulo

Yamaha lança nova Neo 125 com freios UBS

Honda CRF 1000L Africa Twin ganha ainda mais apelo Off Road

Yamaha MT-07 conta com novas cores para 2017

Detran.SP: Permissão internacional pode ser solicitada online

Ducati tem nova tabela de preços para dezembro no Brasil

Suzuki V-Strom 250 amplia linha de motos aventureiras


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras