moto.com.br
Publicidade:

Acontece

Sou motociclista há dez anos, mas ainda tenho medo disto

30 de March de 2016
Compartilhe este conteúdo:

Os textos e fotos publicados no canal Moto Repórter são enviados por motociclistas e internautas, leitores do MOTO.com.br, sem compromisso profissional de estilo e padrões, apenas com o objetivo de compartilhar suas experiências e histórias com outros fãs do mundo das duas rodas. Participe você também do Moto Repórter, canal de jornalismo participativo do MOTO.com.br. Envie sua notícia!

  

 

Maicon Ribeiro de Santana
 
Sou motociclista há dez anos, mas se me perguntar se eu tenho medo de pilotar uma moto a resposta é: - Com certeza!
 
Em 2016 completo dez anos como motociclista, era inevitável, herdei o gosto do meu pai. Ainda lembro da alegria quando ele me deixava acelerar sua Honda XLX 250R, aquele barulho do escape me fazia sorrir de orelha a orelha. Meu presente ao fazer dezoito anos foi a habilitação e uma CG Titan 1995, o melhor presente que já ganhei até hoje.
 
Muita coisa aconteceu sobre duas rodas desde então, mas se me perguntar se eu tenho medo de pilotar uma moto a resposta é: - Com certeza!
 
Sei dos riscos que corro ao ligar a moto e encarar o trânsito de São Paulo com sua imensidão de carros, buracos e assaltantes. Mas o medo me faz prudente, busco me afastar do perigo para curtir a minha paixão minimizando os riscos.
 
Evito passar entre os carros, uso antena para me proteger das temidas linhas de pipa, faço a manutenção constante da motoca, tento andar na velocidade permitida (não vou ser hipócrita, com vias expressas limitadas a 50 km/h já ganhei duas multas por passar a 65 km/h!) e não disputo espaço com carros e caminhões.
 
Mesmo com todos estes cuidados sei que ao fazer uma curva, se houver óleo diesel derrubado por algum veículo posso me acidentar, mas o segredo é ter medo, isso me faz precavido. O dia que não tiver mais medo, vendo minha moto e aposento as luvas e o capacete.
 
Então qual o motivo de gostar de motocicleta se existe este medo? Primeiramente, é preciso compreender o significado da palavra neste contexto. Entre várias definições a que transmite bem o que quero dizer é: - Perturbação resultante da ideia de um perigo real ou aparente (dicionário Michaelis), ou seja, não é preciso ter receio de assumir ter medo de algo, quem tem medo é racional e tem menor chance de cometer erros, podendo desfrutar da adrenalina e a sensação de liberdade que só a moto pode proporcionar.
 
Se você tem vontade de pilotar uma moto mas tem medo fique tranquilo, este é o primeiro passo para ser um verdadeiro motociclista. Os medos não nos impedem de fazer algo, e isso vale para qualquer coisa, é necessário aprender a controlá-los para desfrutar todos os prazeres da vida.
 
Foto: Acervo Pessoal


Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

Moto impressa em 3D tem motor da Kawasaki H2

Ducati tem nova tabela de preços para dezembro no Brasil

Yamaha MT-07 conta com novas cores para 2017

Mercado: Venda de motos cresce 13,27% em novembro

Detran.SP: Permissão internacional pode ser solicitada online

Manutenção correta do freio é sinônimo de segurança na moto

Honda CRF 1000L Africa Twin ganha ainda mais apelo Off Road

BMW apresenta a aventureira compacta G 310 GS

Nova Honda CBR 1000RR SP é puro sangue em rédea curta

Mudanças deixam Yamaha MT-09 mais radical para 2017

Suzuki V-Strom 250 2017 mostra a cara no Salão de Milão

Honda CRF 1000L Africa Twin chega nas lojas a partir de R$ 64.900

Yamaha promete inusitada Ténéré 700 para 2018

Honda revela nova custom Rebel 500 nos Estados Unidos


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras