moto.com.br

Publicidade:

Acontece

OFICINA FAZ MOTO VIRAR TRICICLO

18 de October de 2006
Compartilhe este conteúdo:
Um invento feito para transformar a motocicleta num veículo que não cai deu vida a um novo tipo de equipamento, que aos poucos vem ganhando maior notoriedade nas ruas do Brasil. As motos da Fusco-MotoSegura tratam-se de um modelo utilitário, que se transformam em triciclo sem sofrer alterações drásticas na estrutura original.

“O que fazemos em nossa fábrica é um melhor aproveitamento da moto”, afirma Silvério Luiz Fusco, engenheiro e inventor responsável pela criação da idéia. “Nós pegamos CG’s 125cc e 150cc, retiramos o quadro elástico e a roda traseira, acoplamos a carroceria Fusco e nesse simples processo temos a máquina construída”, explica.

Batizada como moto segura, a invenção tem sido bastante atraente para o comércio, como redes de gás e de supermercados. A razão é muito simples: a praticidade e expressiva utilidade garantidas pelo modelo, homologado pelo Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial).

“Quando vendemos nossos produtos, fazemos inclusive a alteração no documento da moto do proprietário. Com as modificações, ela passa a ser considerada como triciclo, que aliás é muito fácil de pilotar. Basta um período de 10 a 15 minutos de treino, e o condutor já está apto a acelerar”, atesta Fusco.

Há seis modelos de moto segura: baú térmico, baú com gaveta, baú básico, gás, caçamba e plataforma. Toda a linha tem capacidade para 250 kg. “Esses equipamentos agüentam o tranco em qualquer tipo de relevo”, garante Wladmilson Reis de Oliveira, técnico em motocicleta.

“É claro que a velocidade não é muito alta — chega ao máximo de 70 km/h —, mas ao  mesmo tempo em que registramos perda de rapidez, notamos o aumento da força para encarar locais íngremes, por exemplo”, acrescenta Oliveira.

A tração do triciclo é feita por meio da corrente original da moto, com dois semi-eixos, diferencial e freio hidráulico. O consumo é praticamente o mesmo de uma máquina de duas rodas convencional: 25 quilômetros por litro. “Elas são mais vagarosas do que uma motocicleta, mas apresentam muito mais segurança. Lembrem-se, elas não caem de jeito algum”, ressalta Luiz Fusco.

Pelo fato de apresentar fácil processo de montagem, os clientes podem optar por duas formas de aquisição do produto: receber o conjunto de instalação da carroceria em domicílio ou então deixar esse trabalho sob responsabilidade da Fusco-MotoSegura, localizada na zona norte da cidade de São Paulo.

“As pessoas têm a opção de adquirir apenas a carroceria ou então o pacote completo. Nós adquirimos a moto zero quilômetro e fazemos a transformação. No caso das usadas, podem ser de até cinco anos de uso”, detalha Fusco, que revelou ter planos de trabalhar com a linha da Yamaha. “Isso deve acontecer já em 2007”.

Os preços são bem variados:

Plataforma: R$ 4420,00
Caçamba: R$ 4800,00
Gás: R$ 5160,00
Baú: R$ 5350,00
Baú Térmico: R$ 5840,00
Baú com gaveta: R$ 5350,00 + valor das gavetas (a combinar)

De acordo com Fusco, a relação custo / benefício é bastante vantajosa para o bolso do consumidor. “Além disso, esses valores podem ser financiados em até 36 vezes pelo BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social)”.

Vale lembrar que os equipamentos saem da loja com um ano de garantia. “A manutenção é praticamente zero. Quem garante isso são os nossos clientes, que estão espalhados por vários cantos do país”, finaliza Luiz Fusco.

As duas primeiras Moto-Fusco produzidas saíram da oficina em 2001. Com o passar dos anos, o número de produção aumentou consideravelmente. Até esta presente data, cerca de 100 modelos foram comercializados.

A sede da fábrica fica localizada na rua Rocha Lima, 530. Para maiores informações, basta entrar em contato pelos telefones (11) 3965-2110 / 3951-7628. Ou então pelo site www.fuscomotosegura.com.br.


Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

Harley-Davidson faz Open House com promoções

Honda realiza quinta etapa do Pit Stop Dream

Kawasaki Versys 650 vira Ninja para pegar estrada

Honda tem quatro milhões de motos flex no Brasil

Sampa Moto Point é novo encontro semanal de motos

Confira soluções em equipamentos para moto

Motors Company anuncia curso básico e Off Road

Triumph atualiza linha Tiger 800 com XRx e XCx

Aprilia Caponord 1200 Rally encara qualquer aventura

Confira soluções em equipamentos para moto

Kawasaki pode ter planos de novos scooters

Kawasaki Versys 650 vira Ninja para pegar estrada

Sampa Moto Point é novo encontro semanal de motos

Honda Bulldog como melhor amigo do homem


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Últimos Anúncios

Montadoras