moto.com.br
Publicidade:

Acontece

MV Agusta F3 agora no Brasil

30 de July de 2014
Compartilhe este conteúdo:

A MV AGUSTA Brasil acaba d divulgar o preço do segundo modelo da Linha 800 a desembarcar no País: a nova F3 800. A motocicleta chega à rede de concessionárias a partir da segunda quinzena de agosto com preço público sugerido de R$ 56.000,00.

Nova F3 800
A emoção de uma superesportiva de 1.000 cm3 com a diversão e a condução ágil e fácil de uma 600 cm3. O torque de uma V-Twin no limite de rotação de uma quatro cilindros. Essa é a definição da nova F3 800, que assim como os demais modelos da nova linha MV AGUSTA, traz inúmeras inovações para a categoria, além de mais potência, mais torque e muito mais adrenalina.

O resultado é uma motocicleta com condução excepcional, um avançado pacote eletrônico e um novo motor de 800 cm3 que alcança 148 cv e 88 Nm de torque. Juntamente com baixíssimo peso (173 kg), oferece relação peso/potência de 1,17 kg/cv que lhe permite brigar diretamente com superesportivas de maior cilindrada.

A nova F3 800 foi inspirada na F3 675, modelo que redefiniu o conceito das esportivas de média apresentando perfeito equilíbrio entre motor e chassi. O motor é a síntese da tecnologia italiana e o chassi oferece desempenho ímpar no segmento, tanto em rodovias como nas pistas. Com essas e outras características, a F3 800 empurra os limites das superbikes de média cilindrada para um nível muito próximo das superesportivas, revolucionando o setor com uma moto que representa um indiscutível marco tecnológico e de desempenho.

Motor
O diâmetro permanece inalterado em 79 milímetros; o curso foi aumentado de 45,9 mm para 54,3 milímetros, resultando em um aumento de deslocamento de 675cc a 798 cc. A potência foi aumentada para incríveis 148cv a 13.000 rpm e alcançando torque máximo de 88 Nm a 10.600 rpm.

A aceleração foi configurada para não superar as 13.500 rpm. O sistema possui duplo cabeçote com quatro válvulas de titânio por cilindro para beneficiar o alto desempenho das RPM. Os injetores de combustível também são novos, garantindo uma taxa de fluxo mais elevada e de maior potência em comparação com as da F3 675.

Este motor de três cilindros é o que poderíamos chamar de auge da engenharia motociclística: é extremamente leve e compacto (pesa apenas 52 kg) e o bloco, cujos cilindros vem da fundição, possuem o mancal do virabrequim integrado em sua outra metade modelo chamado de closed-deck. Os circuitos de água e óleo são integrados ao atual cárter e suas respectivas bombas estão localizadas no interior do motor, com vantagens óbvias em termos de estilo, bem como compacidade. Entre as inovações neste três cilindros MV está o virabrequim contra-rotativo, uma solução técnica que antes da F3 675 só estava disponível em modelos de MotoGP. O objetivo? Reduzir o efeito de inércia rotacional durante mudanças de direção rápidas e para melhorar o equilíbrio da motocicleta resultando em uma pilotagem muito mais fácil e divertida.

O desempenho consideravelmente maior se reflete, para a mesma massa de moto, em uma melhora da relação peso-potência (1,17 kg / HP) em relação a F3 675.

E isso não é tudo. A resposta à aceleração sob todas as condições e a uniformidade da distribuição de energia em média RPM foram notavelmente melhoradas. Esses dois fatores cruciais aumentam imensamente o prazer da pilotagem na estrada e diminuem consideravelmente os tempos de volta em pista. A potência de 148 cv se traduz em uma velocidade máxima de 269 km/h combinada com uma modificação na relação de transmissão final que foi aumentada de 16/43 para 17/41. Por último, o sistema de embreagem mecânica projetado e desenvolvido pela MV Agusta permite o melhor desempenho possível, mesmo sob freadas bruscas.

Eletrônica
O projeto da três cilindros MV Agusta trouxe os componentes eletrônicos mais avançados já vistos na categoria média/alta cilindrada. A plataforma MVICS (Motor & Vehicle Integrated Control System, ou Sistema de Controle Integrado de Motor & Veículo) combina o controle eletrônico total do acelerador e do corpo de borboleta com o controle de tração.

O MVICS oferece uma abordagem multimapa, com três mapas elaborados por técnicos MV Agusta e um que pode ser totalmente personalizado pelo piloto. O controle de tração é agora um pré-requisito vital: ele usa os mesmos critérios operacionais do elogiado sistema empregado na F3 675, com 8 níveis facilmente selecionados usando os controles do guidão e do compacto e totalmente digital painel de instrumentos.

O quadro é o resultado de uma combinação inteligente de uma estrutura principal em aço tubular e uma seção intermediária composta por um par de placas laterais em alumínio fundido, bem como o braço oscilante prolongado (576,5 mm), que foi projetado para fornecer tração máxima. Os sofisticados garfos dianteiros Marzocchi com 43 mm de diâmetro e 125 mm de curso oferecem ajuste da pré-carga da mola e o acerto da recuperação da compressão. A suspensão traseira Sachs com 123mm de curso possui reservatório de nitrogênio e ajuste totalmente separado para a pré-carga da mola, compressão e retorno.

A F3 800 conta com sistema ABS de série, oferecendo uma frenagem de altíssima qualidade graças ao duplo disco flutuante dianteiro de 320 mm de diâmetro e as pinças de freio Brembo radial monobloco com quatro pistões (32 mm de diâmetro). O freio traseiro conta com disco de 220mm, duplo pistão Brembo de alto desempenho (34 mm de diâmetro).  Os pneus de série são Pirelli Diablo Rosso Corsa 120/70-ZR17 na dianteira e 180/55-ZR17 na traseira.

Cores disponíveis: vermelho/prata metálico e branco perolado/preto brilhante

Confira o vídeo da F3 800

Especificações técnicas
MOTOR
Tipo    Três cilindros, 4 tempos, 12 válvulas
Sistema de correias    DOHC
Capacidade total    798 cm3
Taxa de compressão    13:3:1
Ignição    Elétrica
Diâmetro x curso    79 mm x 54.3 mm
Cavalos de potência máxima-rpm (No virabrequim)    148 cv a 13.000 rpm
Torque máximo – rpm    8.97 kgm a 10.600 rpm
Sistema de refrigeração    Refrigeração com líquido separado e radiadores a óleo
Sistema de gestão de motor    Sistema integrado de injeção eletrônica MVICS (Motor & Vehicle Integrated Control System) com seis injetores; Unidade de controle do motor ELDOR EM2.0, sistema de acelerador Dride by Wire Mikuni, bobina com tecnologia de detecção de íons , controle de falha de ignição, controle de torque com quatro mapas, controle de tração com oito níveis de intervenção
Quick-shift eletrônico    MV EAS (Eletronic Assisted Shifter)
Embreagem    Molhada, multidisco  
Transmissão    Caixa de marchas cassete; seis velocidades, malha constante
Unidade primária    19/36
EQUIPAMENTO ELETRICO
Voltagem    12V
Alternador    350W a 5.000 rpm
Bateria    12V  - 8.6 Ah
DIMENSÕES E PESOS
Distância entre eixos    1.380 mm
Comprimento total    2.060 mm
Largura total    725 mm
Altura do assento    805 mm
Distância mínima do solo    125 mm
Trail    99 mm
Peso seco    173 Kg
Capacidade do tanque de combustível    16,5 l
PERFORMANCE
Velocidade Máxima    269 km/h
QUADRO
Tipo    Treliça de aço ALS
Placas traseiras do eixo do braço oscilante: material    Liga de alumínio
SUSPENSÃO DIANTEIRA
Tipo    Marzocchi  “UPSIDE – DOWN”. Garfo telescópico hidráulico com recuperação de compressão de amortecimento e ajuste externo e independente da pré-carga de mola
Diâmetro da haste    43 mm
Curso sobre eixo da perna    125 mm
SUSPENSÃO TRASEIRA
Tipo    Progressiva Sachs, amortecedor único com recuperação e compreensão de amortecimento e ajuste de pré-carga de mola
Braço oscilante de um só lado: material    Liga de alumínio
Curso da roda    123 mm
FREIOS
Freio dianteiro    Duplo disco flutuante com 320 mm de diâmetro
Pinça do freio dianteiro    Brembo tipo radial monobloco com 4 pistões 34 mm
Freio traseiro    Disco com 220mm
Pinça do freio traseiro    Brembo com 2 pistões 34 mm
ABS    Com modo Race e Rear Wheel Lift-up Mitigation (RLM)
RODAS
Dianteira    Liga de alumínio forjado 3,50” x 17”
Traseira    Liga de alumínio forjado 5.50” x 17’’
PNEUS
Dianteiro    120/70 – ZR 17 M/C (58W)
Traseiro    180/55 – ZR 17 M/C (73W)
CARENAGEM
Material    Termoplástico



Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

Triumph estreia nova coleção de roupas e acessórios

Documentário retrata viagem entre Manaus e São Paulo

Ducati tem crescimento recorde no Brasil em 2016

Solidariedade: Ajude o Natal das crianças da ACRIA

Nova Kawasaki Z 650 é mais agressiva só no visual

Com ação social, Moto Experience acontece no Campo de Marte, em SP

Piaggio lança novos scooters e o triciclo MP3 no Brasil

Yamaha MT-07 conta com novas cores para 2017

Honda CRF 1000L Africa Twin ganha ainda mais apelo Off Road

Harley-Davidson e SENAI inauguram Centro Técnico em São Paulo

Yamaha lança nova Neo 125 com freios UBS

Ducati tem nova tabela de preços para dezembro no Brasil

Licenciamento para motos com placa terminada em 0

Cursos do Centro de Treinamento da Harley em parceria com SENAI-SP


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras