moto.com.br
Publicidade:

Acontece

Mercado de usadas impulsiona setor de reposição

Queda nas vendas de motocicletas novas movimenta o segmento de seminovas e minimiza os impactos da crise no setor

29 de February de 2016
Compartilhe este conteúdo:

A venda de motos novas caiu no ano passado. Os números remetem ao resultado de uma década atrás com pouco mais de 1,2 milhões de motos comercializadas. As crises política e econômica, somadas à falta de crédito e ao medo do desemprego foram fatores responsáveis pela retração do setor de motos novas. 

Por outro lado temos um efervescente mercado de motos usadas que apresentou crescimento em 2015. Embora tímido, o aumento de 1,84%, nas vendas de motos seminovas e usadas no ano passado (2.857.644) em comparação a 2014 (2.805.976) fez com que para cada moto zero quilômetro vendida, 2,244 usadas fossem comercializadas em todo o território nacional. E a venda de usadas gera um reflexo direto no setor de serviços e peças.

Peças e reposição
Na maioria dos casos, uma moto usada requer cuidados especiais e para deixá-la 100% é preciso investir em sua manutenção. Todas precisam de peças como pneus, relação, pastilhas de freio, lâmpadas e outros componentes vitais à segurança e ao conforto.

Quem ganhou com isso foi o empresário do setor de motopeças. Segundo Orlando Cesar Leone, presidente da Anfamoto (associação dos fabricantes de motopeças), “o mercado de reposição não sentiu tanto a desaceleração e a queda do consumo, pois a manutenção de cerca de 24 milhões de motos em circulação tem que ser feita”, analisa. Para este ano, o empresário acredita que o segmento pode ter um crescimento conservador na casa dos 2% em relação a 2015.

A manutenção das motocicletas também é incentivada pelas constantes fiscalizações de trânsito e blitze nas grandes capitais, como a Operação Cavalo de Aço, em São Paulo, que “obriga” o motociclista a manter a moto dentro da lei. No caso de rodar com pneu careca, por exemplo, a moto pode ser apreendida e o condutor deverá pagar multa de R$ 127,69, e ainda recebe cinco pontos no prontuário.

Financiamento de usadas também caiu
Embora as motos usadas também tenham apresentado queda de 4,6% no financiamento - no comparativo entre 2014 com 2015 – é apenas um terço da redução das motos novas financiadas que caíram 12,9%. O levantamento é da Unidade de Financiamentos da Cetip, que opera o Sistema Nacional de Gravames (SNG). “A situação econômica do Brasil em 2015 não inspirou a confiança no consumidor para a compra do veículo financiado” afirmou Marcus Lavorato, gerente de Relações Institucionais e Inteligência de Mercado na Cetip.

O financiamento caro e difícil foi um impulso para o setor de consórcios. Segundo o presidente da Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios (ABAC), o momento delicado da economia impulsiona o consumidor a equilibrar a relação entre rendimentos e gastos. “Ele está planejando e praticando o consumo responsável com vistas à aquisição de um veículo”. Segundo a entidade, quase um milhão de pessoas compraram cotas de consórcio em 2015.

Esse movimento mostra que o consumidor está mais racional em 2015 e apenas adiou a compra sua motocicleta “Zero KM”, mas não abandonou o sonho de ter uma moto nova. Apesar de ser um péssimo resultado para as fabricantes, o adiamento da compra foi positivo para diversos setores da cadeia produtiva e do setor de serviços.



Fonte:
Agência Infomoto
Compartilhe este conteúdo:

Ibira Moto Point acontece nesta terça-feira (22/08) em São Paulo

Boletim MOTO.com.br - Notícias de motos em 30 segundos (20/08/17)

Linha Sportster da Harley-Davidson completa 60 anos

Megacycle acontece pela primeira vez em Paraty (RJ)

Kawasaki divulga nova tabela de preços de suas motos no Brasil

"All for Freedom, Freedom for All" é novo mote da Harley

Vídeo: Motociclista sobrevive a queda em abismo nos EUA

Yamaha XTZ 250 Ténéré com novas cores na linha 2018

Dublê morre em acidente de moto na gravação de Deadpool 2

Kawasaki divulga nova tabela de preços de suas motos no Brasil

Linha Sportster da Harley-Davidson completa 60 anos

Inglaterra estuda exército no combate ao crime com motos

Ranking das motos mais vendidas em julho de 2017

Honda equipa motos CG 160 com freios CBS na linha 2018


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras