moto.com.br
Publicidade:

Acontece

Mercado das duas rodas segue em queda no mês de setembro

07 de October de 2016
Compartilhe este conteúdo:

A Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares, Abraciclo, divulgou mais um balanço da indústria de motocicletas, que segue apresentando dados retraídos de produção, vendas e exportação. Segundo a entidade, foram fabricadas 80.489 motos em setembro, ante 92.791 em agosto, o que representa uma retração de 13,3%.

Já as vendas no atacado seguiram a mesma tendência e registraram queda de 8,4% no período, passando de 83.236 motocicletas, em agosto, para 76.268 unidades, em setembro. “As medidas para a retomada da economia ainda não foram alinhadas, mantendo o compasso de espera. Além disso, a greve bancária, que se estendeu por mais de 30 dias, também contribuiu para que a média de vendas diária ficasse abaixo do registrado no mês de agosto de 2016. Estima-se que cerca de quatro mil motocicletas poderiam ser emplacadas, entre consórcio e financiamento”, afirma Marcos Fermanian, presidente da entidade.

No acumulado do ano, contabilizando os meses de janeiro a setembro de 2016, a queda da produção é de 31%, passando de 1.032.715 (2015) para 712.870 (2016) – atingindo o menor patamar desde 2003, com 741.929 unidades. As vendas para as concessionárias apresentam decréscimo de 28,7%, com 683.453 motocicletas ante 959.077, em 2015.

Já as exportações apresentam leve queda de 4,7% nos primeiros nove meses do ano, passando de 45.922 unidades (2015) para 43.752. As vendas externas somaram 4.298 motocicletas comercializadas no mês passado, volume 5% inferior em relação às 4.522 de agosto.

No varejo, a média diária de vendas de motocicletas caiu 4,3% entre agosto (23 dias úteis) e setembro (21 dias úteis), passando de 3.324 para 3.182 unidades. Se compararmos os números com média diária do mesmo mês de 2015 (4.521 unidades/dia em mês com 21 dias úteis), é possível observar um declínio de 29,6%.

Na comparação mensal, os licenciamentos desaceleraram 12,6%, considerando as 66.822* motocicletas comercializadas em setembro, ante 76.460, em agosto. Já no acumulado (janeiro a setembro), a retração foi de 27,1%, passando de 942.581, em 2015, para 687.280, em 2016.

 

* Foram desconsiderados os ciclomotores usados, cujo licenciamento junto aos Detrans passou a ser obrigatório a partir da Lei nº 13.154, de 30/07/2015, e da Resolução Contran nº 555/15, de 17/09/2015.


Foto: Agência INFOMOTO



Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

Bonneville T120 Black é novidade da Triumph no Brasil

Nova Harley Roadster 2017 chega em dezembro

Motor Show agitou Londrina (PR) com várias atrações

LifeMotosBr: CB Twister - Que gasolina usar na motoca

KTM promove recall para a linha Adventure 1190 e 1290

Exclusivo: entrevista com Fernando Filie - planos da Ducati para 2017

Salão Moto Brasil vai ter exposição de motos customizadas

Harley-Davidson e SENAI inauguram Centro Técnico em São Paulo

Yamaha lança nova Neo 125 com freios UBS

Honda CRF 1000L Africa Twin ganha ainda mais apelo Off Road

Yamaha MT-07 conta com novas cores para 2017

Detran.SP: Permissão internacional pode ser solicitada online

Ducati tem nova tabela de preços para dezembro no Brasil

Suzuki V-Strom 250 amplia linha de motos aventureiras


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras