moto.com.br
Publicidade:

Acontece

Mercado: Consórcio lidera venda de motos em 2016

Modalidade supera financiamento e pagamento à vista como opção mais fácil e menos onerosa para quem quer comprar uma moto zero quilômetro

04 de August de 2016
Compartilhe este conteúdo:

O mercado de motos vem sofrendo sucessivas quedas nas vendas nos últimos anos. Motivos não faltam: instabilidade econômica, restrições ao crédito, alto índice de endividamento e medo do desemprego. Entre janeiro e julho deste ano foram emplacadas 626.192 unidades, queda de 16,46% se comparado ao mesmo período de 2015, segundo dados divulgados pela Fenabrave, entidade que reúne os distribuidores de veículos em todo o Brasil.

Apesar do cenário desanimador, o consórcio tem se mostrado uma ferramenta eficaz para a venda de motos zero quilômetro. De acordo com a Fenabrave, 36% das motos emplacadas em 2016 foram vendidas pelo consórcio – contra 34% adquiridas por financiamento e 30% vendidas à vista. São mais de 225 mil unidades adquiridas por meio da compra programada. Só para comparar, as vendas de automóveis nesta mesma modalidade correspondem a apenas 5% do total de carros emplacados no ano.



Para Alarico Assumpção Jr., presidente da Fenabrave, o consórcio é fundamental para a manutenção do segmento de duas rodas. “Em momentos de crise, a modalidade resurge como uma moeda forte. Sem dúvida é a melhor composição para comprar uma moto zero, já que dispensa a burocracia do financiamento e o cotista poderá se programar em função de sua saúde financeira ou necessidade de resgatar a moto por meio de um lance”, afirma Alarico.

Fábricas líderes têm tradição no consórcio
Diferentemente de um financiamento, o sistema de consórcios não cobra juros, apenas uma taxa de administração. “A modalidade aparece como uma alternativa segura em meio à crise, pois oferece a vantagem de comprometer o cliente apenas com parcelas mensais planejadas e que cabem no seu orçamento”, explica Alberto Pescumo, gerente geral Comercial da Honda Serviços Financeiros. Com 35 anos de existência, o Consórcio Nacional Honda já entregou mais de 5,3 milhões de motos.

No acumulado deste ano, a marca, líder do segmento de duas rodas com 69,6% de market share, já entregou 179 mil motocicletas por meio do consórcio, o que representa 39% das vendas de motos zero da Honda no período. Com planos de 12 a 80 meses, o Consórcio Honda ainda oferece a possibilidade de o cliente escolher a melhor data para pagamento da parcela e, desde a adesão, já pode participar do sorteio ou lance e resgatar a sua moto. 

Já a Yamaha aposta suas fichas em um novo plano que oferece 15 contemplações mensais, sendo dois sorteios, três lances fixos de 25% e até 10 lances livres para o cotista sair de moto zero quilômetro. 

Fazendo caixa
Além de ser a “salvação da lavoura” para as fábricas, o consórcio também ajuda os revendedores. O presidente da Fenabrave afirma que a venda de cotas é uma ferramenta de suma importância para dar sustentação ao negócio. “Muitas vezes é dali que saem os recursos para cobrir as despesas fixas da concessionária”, explica Alarico Assumpção Jr. 

Mas a modalidade de compra programada também pode gerar mais negócios. “Os distribuidores podem trabalhar em parceria com grandes empresas para a renovação de frotas e alinhar planos de manutenção”, sugere o executivo da Fenabrave.

 

TEXTO: Aldo Tizzani / Agência INFOMOTO
FOTOS: Agência INFOMOTO e Divulgação



Fonte:
Agência Infomoto
Compartilhe este conteúdo:

Projeto Motostory e Veteran Motorcycle Clube firmam parceria

Indian apresenta nova Roadmaster Classic nos EUA

Hayabusa's Day RS anuncia encontro 2017 em Porto Alegre

Ducati Mooca leva máquinas italianas para Zona Leste

Moto voadora Hoversurf Scorpion-3 vira solução áerea

KTM anuncia lançamento da linha de enduro 2017 no Brasil

Segundo ANEF, financiamentos têm queda de 9,9% em 2016

Kawasaki Z900 esbanja potência e oferece pouca eletrônica

BMW F 800 GS Adventure aparece com novos recursos

Lego faz BMW R 1200 GS Adventure brinquedo de gente grande

Honda XRE 300 Adventure ganha nova edição especial

KTM 1290 Super Adventure S, pronta para qualquer aventura

Yamaha CRUX Rev tem motor de 110cc e preço de US$ 900

Head Up Display é a tecnologia de informações no capacete


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras