moto.com.br
Publicidade:

Acontece

Kawasaki traz para o Brasil série de 30 anos da Ninja

Modelos ZX-6R, ZX-10R e ZX-14R têm pintura especial para comemorar as três décadas da linha esportiva

05 de September de 2014
Compartilhe este conteúdo:

A Kawasaki Ninja comemora 30 anos de vida em 2014. A idade pode parecer surpresa para muitos, uma vez que as superesportivas da Casa de Akashi continuam joviais em essência e recebam atualizações estéticas periódicas para que isso se reflita em seu visual. Para comemorar a data, as superesportivas ZX-10R e ZX-6R 636 chegam ao Brasil em edição especial, pintadas com o tradicional tom de verde limão, mas misturado com nuances de branco. Já a sport-touring ZX-14R vai celebrar o aniversário de três décadas com uma roupagem verde e preta.

As motos com a nova roupagem desembarcam nas concessionárias em versões standard e com freios ABS. Os preços sugeridos para o modelo de 1000cc são de R$ 63.990 e R$ 67.990, respectivamente. O modelo médio, por sua vez, parte de R$ 51.990 e sai por R$ 54.990 com o sistema anti-travamento. Já a ZX-14R em roupagem comemorativa estará disponível por R$ 56.990 e R$ 60.990 (ABS).

No mais, a ZX-10R mantém as configurações mecânicas já usadas no modelo anterior. O que não a faz menos digna de respeito. Afinal, estamos falando de um motor de quatro cilindros em linha de 998 cm³. Em números de desempenho, a Ninja se destaca. São 200 cv de potência máxima gerados a 13.000 rpm, que podem receber um acréscimo de até 10 cv com a atuação do sistema de indução de ar RAM Air. Já o torque máximo é de 11,4 kgfm obtidos nos 11.500 giros.

O mesmo acontece com a ZX-6R e com a poderosa ZX-14R. Características ciclísticas e mecânicas também foram mantidas, o que significa nenhuma mudança nos motores tetracilíndricos de 636 cm³ e 1.441 cm³, respectivamente.

Como tudo começou
Falar da primeira Ninja significa voltar a 1984. É lançada no Japão a GPZ900, modelo capaz de gerar 113 cv de potência. No entanto, a história conta que o diretor de Marketing da Kawasaki nos Estados Unidos resolveu escrever o nome “Ninja” na carenagem, quando a moto aportou por lá. A ideia era surfar no sucesso que a minissérie de TV “Shogun”, estrelada por Richard Chamberlain, fez no início da década de 1980. Pronto, nascia ali a linhagem de superesportivas.

Embora o sucesso do modelo entre os motociclistas da época já estivesse consumado, em 1986 uma GPZ900 preta e vermelha foi o veículo oficial do piloto de caças Maverick no blockbuster “Top Gun – Ases Indomáveis”. Vivido por Tom Cruise, o personagem e a moto aparecem em cenas do filme embaladas pelo hit Take My Breath Away da banda Berlin. Mas, essa não é a única Ninja a merecer um lugar de honra na linhagem, conforme mostramos a seguir. Confira algumas outras Ninjas famosas.

- Ninja sete-galo
A Kawasaki também entrou na onda das motos de 750cc no final da década de 1980. O modelo, cujo motor conservava a arquitetura de quatro cilindros em linha, mas com 749 cm³, trazia pela primeira vez na história da Casa de Akashi freios com pinças de quatro pistões.

Seu design, todavia, era controverso. Os dois tubos que a moto trazia acima do tanque, responsáveis por alimentar a caixa de ar, causavam certa estranheza em uma primeira olhada, mesmo para a época.

- O motor 636
Entre os anos de 2002 e 2006, a superesportiva ZX-6R contou com um propulsor de 636 cm³. Assim, ela passou a ocupar um degrau acima de outras superbikes médias, como a Yamaha R6 e a Honda CBR 600RR em termos de capacidade cúbica. Há dois anos, a irmã do meio da família foi reformulada e, além de modificações estéticas, que a deixaram parecida com a versão de um litro, a moto voltou a ser equipada com o propulsor de 636 cm³.

Como não poderia deixar de ser, além dos 137 cv de potência máxima, a ZX-6R passou a oferecer também diversos itens de eletrônica embarcada. Controle de tração com três níveis de ajuste e outros três modos de pilotagem complementam os freios ABS, oferecidos como opcionais.

- A poderosa ZX-14R
Em 2006, a Kawasaki substituiu um foguete por outro maior. Vinha ao mundo a ZX-14, que tirava a ZX-12R de cena com um propulsor ainda mais potente. No ano de 2011, o maior modelo da família Ninja foi reformulado e se consolidou entre as sport-tourings. Além do visual mais agressivo, a moto recebeu a letra “R” no nome e, hoje, sai de fábrica com um motor tetracilíndrico capaz de gerar até 210 cv de potência. O que aumentou ainda mais sua rivalidade com outra japonesa de números superlativos: a Suzuki GSX 1300R Hayabusa.

- Ninja 300: a pequena superbike
A Ninja 250R trouxe para marca um novo perfil de piloto: os ávidos por motocicletas esportivas, mas sem experiência ou poder aquisitivo para investir em um modelo maior. No entanto, a Kawasaki queria mais. Em 2012, a moto foi reestilizada e ganhou linhas semelhantes às da ZX-10R. Equipamentos dignos de superbike, como embreagem deslizante, foram adicionados à receita, cujo ponto alto foi o novo motor bicilíndrico paralelo de 296 cm³. Freios ABS opcionais completam o pacote da Ninja 300, que conquista motociclistas do Brasil e do mundo desde seu lançamento. 



Fonte:
Agência Infomoto
Compartilhe este conteúdo:

Yamaha YS 125 na Europa tem visual da moto brasileira

Projeto Motostory e Veteran Motorcycle Clube firmam parceria

Indian apresenta nova Roadmaster Classic nos EUA

Hayabusa's Day RS anuncia encontro 2017 em Porto Alegre

Ducati Mooca leva máquinas italianas para Zona Leste

Moto voadora Hoversurf Scorpion-3 vira solução áerea

KTM anuncia lançamento da linha de enduro 2017 no Brasil

Kawasaki Z900 esbanja potência e oferece pouca eletrônica

KTM 1290 Super Adventure S, pronta para qualquer aventura

Lego faz BMW R 1200 GS Adventure brinquedo de gente grande

Moto voadora Hoversurf Scorpion-3 vira solução áerea

BMW F 800 GS Adventure aparece com novos recursos

Veja as 10 Nakeds acima de 600cc mais procuradas no site

Honda e Hitachi anunciam parceria para veículos elétricos


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras