moto.com.br

Publicidade:

Acontece

Grave defeito com a Harley

25 de November de 2008
Compartilhe este conteúdo:

Fernando Loduca Ribeiro

Amigos “motonautas”. Segue na integra o e-mail que enviei para o Sr. Paulo Izzo, presidente do Grupo Izzo, que é quem tem a concessão da marca Harley-Davidson no Brasil. Este e-mail em nada adiantou o total descaso que a fabricante vem tratando o meu caso.

No dia 6 de fevereiro deste ano, eu estava a 110 Km/h na estrada quando os parafusos que prendem a polia da roda traseira se quebraram e travaram a roda. Derrapei por cerca de 200 metros e por um milagre não caí.

A moto tinha apenas oito meses, eu comprei zero km, tinha saído há pouco tempo da revisão de 8.000 km e estava na garantia. Durante mais de 60 dias eu esperei que eles arrumassem a moto e nada, um descaso total! E vejam na copia do e-mail anexo que eu falei até com o presidente.

Enfim, atualmente estou movendo um processo contra a Harley, querendo devolver a moto por definitivamente, pois esta marca não respeita o consumidor e o pior, comercializa um produto não confiável.

Desde o dia do acidente a moto encontra-se na concessionária HD Campinas. Note que os parafusos simplesmente se partiram demonstrando uma absurda falta de qualidade que pôs em risco a minha vida e a de milhares de pessoas que confiam nesta empresa.

Eis o e-mail (Data:10/03/2008 – 9h33):

Prezado Paulo Izzo, estou tomando a liberdade de lhe encaminhar este e-mail porque acho inadmissível que a minha situação esteja sendo tratada com tanto descaso pela Harley, já não bastasse a absurda falha mecânica da minha moto (ano 2007), em que os cinco parafusos que prendem a coroa na roda se quebraram com a moto a cerca de 110 km/h, fazendo-me derrapar por mais de 200 metros e com muita sorte não tendo caído.

Anexo, tenho meu e-mail enviado para o pessoal da loja de Campinas, a situação continua a mesma e hoje passados quase 40 dias o interesse da Harley em resolver a questão continua o mesmo.

Para se ter uma idéia, mesmo após eu enviar o e-mail anexo ninguém me procurou, nenhum contato em nenhuma vez, desde que a montou teve a falha em 6 de fevereiro deste ano, nunca entraram em contato comigo. Sempre eu pessoalmente na loja ou então ligando todo dia, mas sem obter resultado nenhum.

Há 40 dias a minha moto está lá parada na mesma posição e a única resposta que tenho é que o problema foi muito grave e que estão vendo como vão resolver. Na quarta-feira da semana passada estive pela primeira vez em contato direto com o Fábio (gerente da loja Campinas) e o fato só vez aumentar ainda mais a minha decepção com a Harley, pois ouvi dele que ele não podia fazer nada, que eu deveria continuar aguardando uma solução e que não tinha prazo para solucionar. Não tinha autonomia nem para me fazer uma proposta de troca da moto para resolver o problema.

Portanto, não tenho nada mais a fazer na parte comercial a não ser informar-lhe dos fatos porque acho um absurdo que um nome tão forte quanto a Harley ter um pós-venda tão fraco e mais absurdo ainda a falha mecânica que aconteceu na minha moto, com grande risco de morte inclusive. Não confio mais na minha moto e gostaria de uma solução para o caso o mais breve possível.

Resposta oficial do Grupo Izzo

Prezados Senhores,

O Grupo Izzo, concessionário da marca Harley-Davidson no Brasil, lamenta os transtornos causados ao Sr. Fernando Loduca e, no entanto, informa que já tomou todas as providenciais cabíveis, que não foram aceitas pelo mesmo, sendo:

a) a motocicleta encontra-se pronta e à disposição do cliente desde 3 de abril. A partir dessa data, o cliente tem sido convocado por diversos meios para retirar o produto, o que até o momento não aconteceu;

b) quanto ao problema apresentado no produto, o departamento técnico constatou que foi ocasionado por uso em desacordo às recomendações constantes no Manual do Proprietário fornecido ao Sr. Fernando.

Para garantir a satisfação total do cliente, inclusive pelo período em que ele precisou esperar pela solução do problema com sua motocicleta, o Grupo Izzo propôs, sem custo algum, a substituição da motocicleta em questão por uma motocicleta Fatboy (modelo superior ao produto do cliente). Mesmo assim, o cliente declinou tal oferta.

Vale esclarecer que todo o procedimento de fabricação e garantia são de responsabilidade do Fabricante do veículo. O Grupo Izzo, na condição de concessionário, executa apenas os procedimentos necessários. No caso em questão, a garantia não foi aprovada, mas a fábrica concedeu ao cliente a execução de todos os serviços e substituição de peças  em caráter de cortesia em busca da satisfação do cliente, mesmo com diagnostico do caso ter sido mau uso.

Por fim, a Equipe do Grupo Izzo coloca-se mais uma vez a disposição do Sr. Fernando Loduca para resolver o problema de sua motocicleta, dentro das possibilidades cabíveis para fabricante e concessionários. Desta forma, a empresa tem o objetivo de atender sempre da melhor forma o seu cliente, buscando a excelência em atendimento e serviços e, principalmente, a satisfação de seus consumidores.
         
Para esclarecer qualquer dúvida, o cliente pode ligar para o Serviço de Atendimento ao Consumidor, de qualquer lugar do Brasil, pelo telefone 0800 970 90 29 ou pelo e-mail sac@harley.com.br.

Atenciosamente,
Grupo Izzo.

O “motonauta” Fernando Loduca Ribeiro participou do Moto Repórter, canal de jornalismo participativo do MOTO.com.br. Para mandar sua notícia, clique aqui.



Fonte:
Moto Repórter
Compartilhe este conteúdo:

Gasolina vai receber adição de mais 2% de álcool

Fenabrave: Queda nas motos de 13,66% em fevereiro

Top 10: Motocicletas alimentadas por turbo

Yamaha YZF-R1 tem simulador de comandos na internet

Exclusividades Gandini Motos e Super Feirão

KTM desembarca no Brasil apostando no Off Road

Caldas Novas (GO) recebe o National H.O.G. Rally

Yamaha lança MT-07 em busca de mercado

Crossovers viram nova tendência entre os fabricantes

Comparativo de bolso: Zero km X Seminovo

BMW Motorrad divulga nova tabela de preços

MT-09 Tracer põe a Yamaha entre as crossovers

Kawasaki Ninja H2 prepara aterrissagem no Brasil

Yamaha VMAX completa 30 anos com versão Carbon


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Últimos Anúncios

Montadoras