moto.com.br
Publicidade:

Acontece

Detran.SP oferece segunda via da CNH pela internet

17 de November de 2015
Compartilhe este conteúdo:

O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran.SP) anuncia que o motociclista e motorista que precisa tirar a 2ª via da Carteira Nacional e Habilitação (CNH), seja por motivo de perda, furto, roubo ou mau estado de conservação, pode solicitar o documento pela internet. O serviço está disponível pelo aplicativo para tablets e smartphones e pelo site detran.sp.gov.br.

O primeiro passo é fazer um cadastro no portal do Detran.SP para criar login e senha de acesso aos serviços online. Depois, para pedir pela própria página, basta clicar em “Acesse os Serviços Online”, e depois em ”2ª via da CNH”.        

Para solicitar a nova via da habilitação por meio de dispositivos móveis, o cidadão tem de baixar gratuitamente o aplicativo “Detran.SP” nas lojas virtuais Google Play ou Apple. Uma vez baixado, o acesso é feito com o mesmo cadastro do portal, selecionando "Pedir 2ª via da CNH" no aplicativo.

Só em 2015, entre janeiro e setembro, mais de 66 mil 2ªs vias de CNHs foram emitidas por meio de pedidos eletrônicos.

“Ao oferecer a opção de pedir o documento de forma eletrônica também otimizamos o atendimento nas unidades, pois só quem realmente precisar fazer um serviço pessoalmente irá ao posto”, ressalta Daniel Annenberg, diretor-presidente do Detran.SP.

Os custos para obter a 2ª via do documento são de R$ 35,06 da taxa de emissão e mais R$ 11 do envio pelos Correios. A partir da emissão, o documento é entregue em até sete dias úteis no endereço em que Carteira Nacional de Habilitação (CNH) está cadastrada junto ao Detran.SP. Por isso, é imprescindível que o endereço esteja atualizado.

É importante esclarecer que nenhum documento (nem mesmo boletim de ocorrência) substitui a habilitação. Por isso, o motorista que, eventualmente, ficar sem o documento, terá de aguardar a 2ª via para voltar a dirigir.

O porte da CNH original é obrigatório. O condutor que infringir essa norma pode ser multado em R$ 53,20 e receber três pontos no prontuário, pois é considerada uma infração leve, conforme prevê o artigo 232 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

No site do Detran.SP, o cidadão pode realizar 23 serviços de trânsito relacionados à Carteira Nacional de Habilitação (como 2ª via da habilitação e CNH Definitiva), veículos (comunicação de venda e pesquisa de débitos e restrições) e infrações (consulta de multas e solicitação de recurso de penalidade), entre outros.

O Detran.SP oferece, ainda, dois aplicativos gratuitos para tablets e smartphones, com cinco funcionalidades: solicitar 2ª via da CNH e acompanhar a emissão do documento; consultar multas do próprio veículo, pontos da própria CNH e débitos/restrições de veículos de terceiros; e simulado de prova teórica. Os aplicativos estão disponíveis nas plataformas Android e iOS. 

Foto: Reprodução



Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

KTM promove recall para a linha Adventure 1190 e 1290

Exclusivo: entrevista com Fernando Filie - planos da Ducati para 2017

Salão Moto Brasil vai ter exposição de motos customizadas

Calendário Pirelli 2017 tem o título "Emocional", por Peter Lindbergh

Cursos do Centro de Treinamento da Harley em parceria com SENAI-SP

Honda é a maior vencedora do Prêmio Top Moto 2016

Licenciamento para motos com placa terminada em 0

BMW apresenta a aventureira compacta G 310 GS

Mudanças deixam Yamaha MT-09 mais radical para 2017

Suzuki V-Strom 250 2017 mostra a cara no Salão de Milão

Yamaha promete inusitada Ténéré 700 para 2018

Honda CRF 1000L Africa Twin chega nas lojas a partir de R$ 64.900

Honda revela nova custom Rebel 500 nos Estados Unidos

Ducati barbariza com novos modelos da linha 2017


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras