moto.com.br
Publicidade:

Acontece

Contran: Quadriciclos agora podem ser emplacados

Resolução 573/2015 estabelece as regras e exigências para a circulação de quadriciclos nacionais e importados nas vias urbanas

21 de December de 2015
Compartilhe este conteúdo:

O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) anuncia a possibilidade da realização do emplacamento de quadriciclos no Brasil a partir da publicação da Resolução 573, de 16 de dezembro de 2015, que estabelece os requisitos de segurança e circulação de veículos denominados quadriciclos, de fabricação nacional ou importados, para uso em vias urbanas.

A regulamentação classifica os quadriciclos como veículo automotor com estrutura mecânica similar às motos e como veículo automotor elétrico com cabine fechada, como é o caso do Renault Twizy (foto abaixo), com eixo dianteiro e traseiro, dotado de quatro rodas, com massa em ordem de marcha não superior a 400kg, ou 550kg no caso do veículo destinado ao transporte de cargas, excluída a massa das baterias no caso de veículos elétricos, cuja potência máxima do motor não seja superior a 15kW.

Pela Resolução 573, o quadriciclo deve atender os mesmos requisitos de segurança especificados para os triciclos, incluindo a utilização de sistema de identificação com placa traseira, além de soluções estruturais e mecânicas, e prevê ainda, no caso dos quadriciclos rotulados como veículo automotor elétrico com cabine fechada, a utilização de cintos de segurança de três ou quatro pontos, assentos com apoio para a cabeça e airbag frontal.

A legislação determina ainda que o condutor e o passageiro do quadriciclo com estrutura mecânica similar às motos devem utilizar capacete de segurança, com viseira ou óculos protetores. O piloto do quadriciclo deve possuir Carteira Nacional de Habilitação do tipo B (válida para carros de passeio e outros veículos de quatro rodas). As novas regras da Resolução 573 passam a valer desde a data de sua publicação.

Nos últimos anos, os quadriciclos têm se popularizando no mercado brasileiro, especialmente no interior do país, em função de suas qualidades para o uso no campo para deslocamento em áreas rurais e como veículo de força, além de ser muito utilizado como veículo voltado para o uso recreativo e esportivo em competições Off Road. Os quadriciclos, ou ATV, se diferenciam dos UTVs (veículos tipo side by side ou gaiolas), por usarem guidão em vez de volante, não possuirem cobertura e a posição do piloto e do garupa similar a das motos.

Clique aqui para conferir a Resolução 573/2015 no DOU!

Fotos: Honda e Renault/Divulgação



Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

Harley-Davidson pode estar interessada na compra da Ducati

Ducati Multistrada 1200 Enduro Pro foge do tradicional

Bike Fest Tiradentes acontece entre 21 e 25 de junho

Husqvarna apresenta a radical supermoto FS 450

KTM tem nova fábrica nas Filipinas para motos compactas

Boletim MOTO.com.br - Notícias de motos em 30 segundos (17/06/17)

BMW anuncia G 310 R preço sugerido de R$ 21.900 no Brasil

BMW anuncia G 310 R preço sugerido de R$ 21.900 no Brasil

MV Agusta RVS #1 é a nova máquina da marca italiana

Triumph lança novas Street Scrambler e Bobber no Brasil

Ibira Moto Point está de volta ao Ginásio do Ibirapuera

Kawasaki lança versões 2018 dos modelos Ninja 650 ABS e Ninja 1000

Honda anuncia linha 2018 da aventureira NC 750X no Brasil

Motos conceito mostram como será o futuro em duas rodas


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras