moto.com.br
Publicidade:

Acontece

Conheça os detalhes do scooter Ducati 50

Fabricante italiana se rende ao clamor dos mercados emergentes e apresenta sua motoneta como solução urbana

01 de April de 2015
Compartilhe este conteúdo:

Parece que o anúncio bombástico do presidente da Ducati, Claudio Domenicali, de que pensar um scooter da marca italiana não seria nenhuma blasfêmia se transformou em realidade mais rápido que todos pensavam com a apresentação do surpreendente Ducati 50, uma motoneta moderna e com identidade própria para estimular as vendas e ajudar a promover o crescimento da fabricante bolonhesa em mercados emergentes, especialmente, para os países da Ásia, África e América do Sul.

Apesar do scooter ainda ser uma experiência recente para a marca italiana de motos esportivas, todo o aparato tecnológico da Ducati esteve à disposição e foi usado no desenvolvimento do Ducati 50. O scooter da lendária marca de Borgo Panigale é de baixa cilindrada, mas o pequeno motor monocilíndrico de 49,9 cm³ com injeção eletrônica e refrigeração líquida (4 tempos) ou carburador e refrigeração a ar (2 tempos) dispõe das tecnologias Testastretta e Supequadro, presente em máquinas como Multistrada e Panigale. A transmissão é automática tipo CVT.

A Ducati não divulgou detalhes das especificações de desempenho do Ducati 50, mas técnicos e engenheiros da fabricante italiana fazem questão de proclamar que o seu scooter pode superar outros modelos disponíveis no mercado com motorização de 125cc e se equiparar a motos de 250cc em termos de performance, em função de uma bem acertada preparação mecânica e do seu coeficiente na relação de peso e potência. O peso seco do surpreendente scooter Ducati é de apenas 82 kg.

Outra característica marcante do Ducati 50 é a conectividade do veículo com outros sistemas de comunicação e soluções tecnológicas para integração com as novas mídias. O scooter dispõe de navegador GPS integrado ao painel digital com tela LCD e seleção para vários níveis de iluminação. Também há tomada 12V para carregar celular, entrada USB e conexões para smartphones e tablets. A tomada funciona ainda para ligar um tipo de máquina especial de café espresso daquelas que usam sachês e capsulas. O equipamento pode ser comprado como item opcional do scooter.

As especificações de suspensão do Ducati 50 revelam que o projeto de desenvolvimento do scooter priorizou a esportividade com um acerto mais firme nos amortecedores e molas. Para frenagens com maior segurança o scooter da Ducati conta com freios a disco na roda dianteira e traseira, além de sistema ABS, antecipando as normas europeias para modelos de baixa cilindrada. As rodas são de liga leve com cinco raios, sendo aro 16 na frente e aro 14 atrás. O Ducati 50 é classificado como um scooter de baixo custo com apelo esportivo. O preço estimado de venda do modelo fica na faixa de 2.000 euros (2 tempos) e de 3.000 euros (4 tempos). Só que não, pois tudo aqui não é nada mais, nada menos que uma inocente pegadinha de 1º de Abril. Um feliz Dia da Mentira para todos!!!

Fotomontagem: Lucas Reis



Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

KTM anuncia lançamento da linha de enduro 2017 no Brasil

Segundo ANEF, financiamentos têm queda de 9,9% em 2016

Olha o Carnaval aí gente e fique ligado no trânsito

Kawasaki Z900 esbanja potência e oferece pouca eletrônica

Ao Vivo: KTM apresenta equipe oficial da MotoGP em 2017

Honda e Hitachi anunciam parceria para veículos elétricos

Head Up Display é a tecnologia de informações no capacete

BMW F 800 GS Adventure aparece com novos recursos

Honda XRE 300 Adventure ganha nova edição especial

Honda CB 500F em promoção com bônus de fábrica

Ducati XDiavel S é premiada em Nova York

LifeMotosBr: CB Twister - Invista 10% em equipamentos

Ducati anuncia condições especiais até o fim de fevereiro

Yamaha CRUX Rev tem motor de 110cc e preço de US$ 900


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras