moto.com.br
Publicidade:

Acontece

CESVI BRASIL completa 20 anos de atividades no país

19 de August de 2014
Compartilhe este conteúdo:

O CESVI BRASIL (Centro de Experimentação e Segurança Viária) está comemorando seus 20 anos de atividades no País. Criado para gerar conhecimento técnico sobre reparabilidade e segurança viária, o centro de pesquisa foi pioneiro neste setor na América do Sul e hoje é referência no mercado automotivo e segurador nacional.

Após a fundação do centro de pesquisa, as atividades de funilaria e pintura passaram a ser estudadas com métodos científicos, gerando padrões de tempos de reparo e novos processos para o mercado. Além disso, o CESVI colaborou com a formação técnica de uma moderna geração de peritos, aptos não apenas a realizar uma simples vistoria, mas também a aperfeiçoar a análise do reparo e estimular a adequação das oficinas para um novo patamar de informação, métodos e ferramental.  

“Essa equação entre padrões, novas tecnologias e processos de trabalho foi uma revolução que mudou o perfil das oficinas brasileiras, que deram um salto de qualidade e produtividade”, relembra o diretor executivo do CESVI, Almir Fernandes. “E quem mais ganhou com isso foram os consumidores, já que os veículos começaram a ser reparados com tecnologia de ponta, substituindo os métodos ultrapassados que danificavam os automóveis e aumentavam o custo e o tempo do serviço”, revela o executivo.  

Boa parte de todo o conhecimento produzido pelo centro de pesquisa vem da instalação da primeira e única pista de crash-tests do Brasil dedicada a impactos de baixa velocidade, que simulam as batidas mais frequentes do dia a dia.  

É a partir dos ensaios realizados nesta pista que o CESVI gera dados que, posteriormente, são avaliados e traduzidos em informações técnicas para o mercado. Entre estes dados, um dos mais importantes é o CAR Group, um ranking que compara veículos de uma mesma categoria quanto à facilidade e ao custo do reparo. Até hoje, mais de 320 veículos já foram avaliados.

O centro de pesquisa também produz outros índices com o intuito de permitir ao consumidor escolher melhor o veículo que ele pretende comprar. Um deles é o Índice de Segurança, que compara os modelos de carros de acordo com o conjunto de equipamentos de segurança disponível. Outro é o Índice de Visibilidade, que aponta quais carros têm menos pontos cegos. Já o Índice de Danos de Enchente revela os modelos que sofrem menos danos ao passar por um trecho de alagamento. E há ainda o Índice de Furto, que mostra quais são os carros menos vulneráveis à ação dos bandidos.  

Todos esses índices também ajudam as seguradoras na avaliação de veículos e, consequentemente, na precificação do seguro. Até mesmo as montadoras se beneficiam deste trabalho, uma vez que para elaborar tais indicadores é necessário o estudo de componentes específicos, como o pára-choque, manuais de reparação e até sugestões de melhorias na própria concepção do veículo, como os kits de reparo. São ideias com base totalmente técnica, que contribuem para as empresas lançarem veículos cada vez melhores do ponto de vista da reparabilidade e da segurança.

Seguindo essa linha de segurança, desde 2007 o CESVI faz um levantamento anual que registra a evolução do mercado quanto à oferta do ABS em carros e, mais recentemente em motos também. Temas como o airbag e a importância de “ver e ser visto no trânsito” já foram alvo de estudos e demostraram várias formas de se reduzir o número de mortes e acidentes no Brasil.  

A criação de tanta informação importante nestas duas décadas atraiu a atenção dos governos. Diversos órgãos públicos, com alguma ligação ao trânsito, já contaram com o CESVI para melhorar seus serviços.  Além disso, o CESVI é constantemente convidado a participar de comitês e câmaras temáticas, com o objetivo de ajudar na elaboração de novas leis e políticas públicas relacionadas à interação do brasileiro com o automóvel.

Quase todo o material já produzido até hoje pelo centro de pesquisa está disponível para a população em geral por meio de seu acervo digital, a Autoteca, que dispõe de mais de 10 mil publicações relacionadas ao universo do automóvel. Isso sem levar em conta bimestral Revista CESVI, website próprio, uma página no Facebook, conta no Twitter e um blog direcionado especificamente para o público reparador: o Clube das Oficinas.

“Nossas conquistas e realizações não seriam possíveis sem o apoio que tivemos de todo o mercado automotivo”, diz Fernandes. “Desde pintores e funileiros de oficinas independentes, até os mais altos executivos de seguradoras, montadoras e empresas de rastreamento, todos, sem exceção, colaboraram com nossa história, nos impulsionando a buscar informações e a partilhar conhecimento e soluções que transformaram o setor ao longo destes 20 anos de história”, finaliza.

Foto: Divulgação



Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

Triumph estreia nova coleção de roupas e acessórios

Documentário retrata viagem entre Manaus e São Paulo

Ducati tem crescimento recorde no Brasil em 2016

Solidariedade: Ajude o Natal das crianças da ACRIA

Nova Kawasaki Z 650 é mais agressiva só no visual

Com ação social, Moto Experience acontece no Campo de Marte, em SP

Piaggio lança novos scooters e o triciclo MP3 no Brasil

Harley-Davidson e SENAI inauguram Centro Técnico em São Paulo

Yamaha MT-07 conta com novas cores para 2017

Honda CRF 1000L Africa Twin ganha ainda mais apelo Off Road

Yamaha lança nova Neo 125 com freios UBS

Ducati tem nova tabela de preços para dezembro no Brasil

Detran.SP: Permissão internacional pode ser solicitada online

BMW apresenta a aventureira compacta G 310 GS


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras