moto.com.br
Publicidade:

Acontece

Abraciclo: Produção de motos tem queda em abril

Relatório da associação dos fabricantes de motos revela queda de 21,9% com um volume de 64.380 unidades no período

09 de May de 2017
Compartilhe este conteúdo:

O levantamento de mercado da Abraciclo (associação dos fabricantes) revela que a produção de motocicletas em abril totalizou 64.380 unidades, volume 21,9% inferior em relação a março (82.416). Em comparação com o mesmo mês de 2016 (63.036), houve crescimento de 2,1%. No acumulado de 2017, a produção no ano registrou leve alta de 1,8%, passando de 290.662, em 2016, para 295.761, em 2017.

As vendas no atacado – das fábricas para concessionárias – somaram 61.342 unidades em abril, correspondendo a uma queda de 23,7%, em comparação a março (80.372 motocicletas). Sobre abril de 2016 (72.197), houve retração de 15%. Já nos primeiros quatro meses do presente ano, a comercialização no atacado teve recuo de 3,6%, com 277.162, contra 287.569 no primeiro quadrimestre de 2016.

No varejo (das lojas para o consumidor), foram vendidas 64.961 motocicletas em abril, o que representa um recuo de 21,6% ante o volume de março (82.879) e de 18,5% em relação a abril de 2016 (79.671). A média diária de vendas no mês chegou a 3.609 unidades, praticamente o mesmo volume (alta de 0,2%) ao da média de março (3.603), mesmo abril tendo tido 5 dias a menos de comercialização (23 dias úteis em março contra 18 dias úteis em abril). No acumulado do ano, a queda foi de 13,7%, com 275.931 motocicletas licenciadas, contra 319.594 unidades, em 2016.

“O que se observa como aspecto mais relevante é a manutenção da média diária de vendas em torno de 3,6 mil unidades, comprovando a expectativa de que o mercado de motocicletas deixou para trás a situação de seguidas quedas mensais e ingressou efetivamente num patamar de estabilidade”, afirma Marcos Fermanian, presidente da Abraciclo.

Nas operações de exportação, o segmento de motocicletas registrou retração de 33,5%, passando das 5.722 unidades de março para 3.804 motos em abril. Na comparação com o mesmo mês de 2016 (4.122), as exportações também registraram queda, de 7,7%. Porém, se analisado o acumulado de 2017, a comercialização para outros países teve aumento de 18,9% (17.871 em 2016 ante 21.248 unidades em 2017).

Em abril, os principais destinos das motocicletas fabricadas no Brasil foram Argentina (68,5%), Austrália (5,9%), Estados Unidos (5,7%), Colômbia (5%) e Canadá (4,6%), entre outros países, conforme dados do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços – MDIC, analisados pela Abraciclo.

Foto: Honda/Divulgação



Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

Linha Sportster da Harley-Davidson completa 60 anos

Megacycle acontece pela primeira vez em Paraty (RJ)

Kawasaki divulga nova tabela de preços de suas motos no Brasil

"All for Freedom, Freedom for All" é novo mote da Harley

Vídeo: Motociclista sobrevive a queda em abismo nos EUA

Dublê morre em acidente de moto na gravação de Deadpool 2

IPT faz testes com jaquetas com airbags para motociclista

Yamaha XTZ 250 Ténéré com novas cores na linha 2018

Dublê morre em acidente de moto na gravação de Deadpool 2

Ranking das motos mais vendidas em julho de 2017

Honda anuncia nova CB 190X Tourism em evento na China

Honda equipa motos CG 160 com freios CBS na linha 2018

Inglaterra estuda exército no combate ao crime com motos

Indian renova Scout Bobber, Roadmaster Elite e Springfield Dark Horse


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras