moto.com.br
Publicidade:

Acontece

Abraciclo: média diária de venda de motos é a menor em 11 anos

08 de March de 2016
Compartilhe este conteúdo:

De acordo com balanço divulgado pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares, a Abraciclo, a fabricação de motocicletas recuou 6,5% em fevereiro, totalizando 71.057 unidades, contra 75.959 registradas em janeiro. Caso a comparação seja feita com o mesmo mês do ano passado, quando saíram das linhas de produção 110.823 motocicletas, houve uma queda de 35,9%.

Apesar do crescimento de 24,3% nas vendas no atacado – das fábricas para as concessionárias – em fevereiro, em comparação ao mês anterior, passando de 58.801 para 73.079 unidades, os números apresentaram queda de 32,7% em relação a fevereiro de 2015, quando foram comercializadas 108.637 unidades.

“Vale lembrar que em fevereiro celebramos o Carnaval, o que explica a queda na produção em relação ao mês de janeiro. Porém, o mercado de motocicletas, assim como outros setores da economia, é impactado pelo atual cenário de instabilidade política e econômica do País, atrelada à falta de confiança do consumidor. Desta forma, não descartamos a necessidade de uma revisão nas projeções do setor para 2016”, declara Marcos Fermanian, presidente da Abraciclo.

Já as exportações de fevereiro somaram 5.692 motocicletas, uma alta de 70,6%, em relação a janeiro, e expressivo crescimento de 128,5%, em comparação com o mesmo mês de 2015. Os resultados refletem principalmente a viabilização de mais negócios na Argentina.

Média diária de Vendas
No varejo, foram vendidas 74.404* motocicletas, o que representa um recuo de 5,3% frente ao volume de janeiro, com 78.538 unidades e de 20,7% em relação a fevereiro de 2015 (93.806).

Mesmo com um dia útil a mais que no ano passado (20 dias), a média diária de vendas apresentou queda de 24,6%, passando de 4.937 para 3.720 motocicletas – o menor índice desde março de 2005, que havia registrado 3.729 unidades/dia.


Foto: Honda/Divulgação

(*) Foram desconsiderados os ciclomotores usados, cujo licenciamento junto aos Detrans passou a ser obrigatório a partir da Lei nº 13.154, de 30/07/2015, e da Resolução Contran nº 555/15, de 17/09/2015.

 



Fonte:
Equipe MOTO.com.br
Compartilhe este conteúdo:

Nova Harley Roadster 2017 chega em dezembro

Motor Show agitou Londrina (PR) com várias atrações

LifeMotosBr: CB Twister - Que gasolina usar na motoca

KTM promove recall para a linha Adventure 1190 e 1290

Exclusivo: entrevista com Fernando Filie - planos da Ducati para 2017

Salão Moto Brasil vai ter exposição de motos customizadas

Calendário Pirelli 2017 tem o título "Emocional", por Peter Lindbergh

BMW apresenta a aventureira compacta G 310 GS

Mudanças deixam Yamaha MT-09 mais radical para 2017

Suzuki V-Strom 250 2017 mostra a cara no Salão de Milão

Yamaha promete inusitada Ténéré 700 para 2018

Honda CRF 1000L Africa Twin chega nas lojas a partir de R$ 64.900

Honda revela nova custom Rebel 500 nos Estados Unidos

Ducati barbariza com novos modelos da linha 2017


Comente

Para comentar é necessário autenticar, clique aqui!


Busca Rápida

Busca avançada

Comprar ou vender

Cadastre-se | Anuncie agora!

Anúncios em Super Destaque

Montadoras