moto.com.br
Publicidade:

Royal Enfield - História

Royal Enfield

De todas as marcas de motocicletas que ocuparam a indústria inglesa desde as últimas décadas de 1800, apenas um está em funcionamento há mais de 100 anos: Royal Enfield.

A marca começa sua história em Ridditch, Inglaterra, em 1891, com a fabricação de bicicletas, peças de reposição para máquinas de costura e peças para rifles. A Royal Enfield nasce da associação do nome de um de cliente e da cidade natal de outro.

Em 1899 lança os primeiros veículos com motor sendo estes um triciclo e um quadriciclo. A partir daí nascem as motos e sua constante evolução desde então.

Foi pioneira no desenvolvimento de projetos mecânicos e líder de vendas até 1915. Chega a Primeira Guerra Mundial, e com ela a produção de Royal Enfield se direciona para o exército. Não são desenvolvidos novos modelos até a chegada dos anos 1930, quando a renomada Bullet aparece pela primeira vez. A Bullet tinham motores de 250cc, 350cc e 500cc dando excelentes resultados em momentos diferentes, o que fez seu nome presente até os dias de atuais.

Em 1949 350cc nascia a Bullet 350cc monocilíndrica, um dos primeiros modelo com suspensão traseira, sendo uma grande estrela em seu segmento. A 500cc também colher vários títulos. Em meados da década de 1950, o governo indiano começa a fazer encomendas de grandes quantidades, levando a Ridditch fábrica para procurar um parceiro naquele país.

Teve início a montagem de motos Royal Enfield na Índia, mas pouco tempo depois foi inaugurada a fábrica em Chennai dando continuidade ao processo de produção. Em 1962, a empresa foi vendida na Inglaterra, mas produção continuou na Índia.

Em 1984 a Bullet volta à Inglaterra e ao mercado europeu, mas desta vez fazendo parte de um grupo industrial indiano. Em 1993, a Royal Enfield apresenta primeira motocicleta a diesel do mundo.

No final de 1998, um novo motor foi desenvolvido para melhorar o desempenho das motos Royal Enfield. Em 2008 é apresentada na Alemanha o motor EFI, este propulsor com injeção eletrônica de combustível, monocilíndrico, construído em uma única peça, desenvolvido para atender as normas de emissões europeias.

O motor EFI é hoje o que dá vida à lendária Electra e também os mais novos elementos da família Royal Enfield, a Classic 500 e a 350 Classic. Caracterizadas por um projeto moderno, com linhas clássicas e charmosas, marcando uma nova etapa na história da marca e abrindo caminho no mercado internacional.

Assim, depois de mais de 120 anos da Royal Enfield mantém sua receita no desenvolvimento tecnológico, boas idéias e preservando seu estilo clássico. Na América Latina, a marca está presente em países como Brasil, Argentina, Colômbia e Equador.

Confira o site oficial da Royal Enfield

Clique aqui para ver anúncios da Royal Enfield no MOTO.com.br